Fale com este blog

E-mail: ercio.remista@hotmail.com
Celular: (91) 8136-7941
Para ler postagens mais antigas, escolha e clique em um dos marcadores relacionados ao lado direito desta página. Exemplo: clique em Santarém e aparecerão todas as postagens referentes à terra querida. Para fazer comentários, eis o modo mais fácil: no rodapé da postagem clique em "comentários". Na caixinha "Comentar como" escolha uma das opções. Escreva o seu comentário e clique em "Postar comentário".

quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013

Em mensagem, Dilma diz respeitar decisão do Papa e deseja saúde e paz

A presidente Dilma Rousseff enviou na manhã desta quinta-feira (28) mensagem a Bento XVI, que renuncia ao papado. É a primeira manifestação oficial da presidente desde que o Sumo Pontífice anunciou que deixaria o comando da Santa Sé, no último dia 11. O ministro das Relações Exteriores, Antônio Patriota, e o secretário-geral da Presidência, Gilberto Carvalho, já haviam se pronunciado sobre o tema.

Na mensagem, publicada no blog do Planalto, a presidente manifesta respeito pela decisão de Bento XVI pela renúncia, e recorda o que considerou gestos de apreço do Papa pelo país. Entre eles, a escolha do Rio de Janeiro como sede da Jornada Mundial da Juventude, que ocorre em julho, e a canonização do primeiro santo brasileiro, Frei Galvão, realizada em 2007.

Veja abaixo a íntegra da mensagem:

"Santo Padre,

Ao findar o seu Papado, manifesto o meu respeito pela decisão de Vossa Santidade de renunciar à Cátedra de S. Pedro.

Nesta oportunidade, recordo os gestos de apreço com que o meu país foi distinguido nesses últimos anos. São marcos históricos no relacionamento entre a Santa Sé e o Brasil a escolha de Aparecida do Norte para sediar a V CELAM, que ensejou a sua visita ao país, a canonização do primeiro Santo brasileiro, Dom Antonio Galvão de França, assim como a histórica decisão de realizar a Jornada Mundial da Juventude na cidade do Rio de Janeiro.

Desejo que essa nova fase de recolhimento o encontre com saúde e paz.

Respeitosamente, Dilma Rousseff - Presidenta da República Federativa do Brasil"

Não sou mais pontífice, mas um peregrino, diz Bento XVI na despedida

O Papa Bento XVI disse nesta quinta-feira (28), em Castel Gandolfo (foto), que não é mais pontífice, "mas um simples peregrino encerrando seu caminho nesta terra", poucos minutos após deixar o Vaticano, praticamente encerrando seus oito anos de pontificado.

"Obrigado por sua amizade e seu afeto. Como vocês sabem, hoje é um dia diferente dos anteriores. Eu só serei o Sumo Pontífice da Igreja Católica até as 20h (16h de Brasília). Depois disso, serei simplesmente um peregrino que está começando a fase final de seu caminho nesta terra", disse, antes de se recolher ao edifício.
 
O Papa fez a declaração da sacada da residência papal de verão, em que vai viver as próximas semanas enquanto o conclave escolhe seu sucessor. Ele era esperado por muitos fiéis, locais e de outras regiões.

Bento XVI deixou o Vaticano, em um helicóptero da Força Aérea Italiana, às 17h07 locais (13h07 de Brasília).

Antes de embarcar, o pontífice recebeu adeus no Pátio de São Damásio de um grupo da Guarda Suíça e de seus colaboradores da Secretária de Estado. Ele estava de carro, acompanhado de seu secretário, Georg Gänswein.

Os sinos do Vaticano e de todas as basílicas de Roma soaram durante a decolagem do helicóptero, sob aplausos de cardeais, outros religiosos e fiéis.

Bento XVI chegou a Castel Gandolfo, que fica a 30 quilômetros da Santa Sé, às 17h24 locais (13h24 de Brasília). Ele foi recebido por autoridades civis e religiosas.  (G1)

3ª Câmara Criminal Isolada do TJE manteve condenação de João Carlos Carepa, acusado de abusar de menor

João Carlos Carepa tem pena reduzida (Foto: Diário do Pará)
À unanimidade, a 3ª Câmara Criminal Isolada do Tribunal de Justiça do Pará manteve, na sessão desta quinta-feira, 28, a condenação do assistente administrativo João Carlos de Vasconcelos Carepa (foto), acusado de abusar sexualmente de uma menor de idade. Entretanto, o relator do recurso de apelação, desembargador Raimundo Holanda, reformou a pena de 15 anos de reclusão para 9 anos e 3 meses em regime, inicialmente fechado. O relator deu prazo de 24 horas para que a defesa do acusado apresente o passaporte do réu a fim de que seja apreciado pedido de prisão preventiva.

Segundo os autos, os abusos teriam começado no ano de 2006, quando a vítima tinha 11 anos. O crime ainda teria se repetido por quatro vezes, sendo a última vez quando a menor se encontrava com 14 anos. A defesa do acusado pediu a absolvição do réu, sustentando insuficiência de provas para a condenação, ausência de materialidade do delito e contradição nos depoimentos da vítima. Mas o relator do recurso rechaçou os argumentos, destacando que mesmo que a vítima tivesse consentido o ato, ainda assim se trata de crime, visto que a mesma é menor de idade. O magistrado lembrou que para a lei a palavra da vítima e das testemunhas neste tipo de crime tem força probatória, ressaltando ainda que o acusado já havia confessado os atos, ainda que culpando a vítima pelo ocorrido.

Diante dos fatos, o relator manteve a condenação do réu a 7 anos de prisão, aumentando em mais 1/6 a pena por conta da continuidade do crime, tornando a pena definitiva em 9 anos e 3 meses. A revisora do recurso, desembargadora Brígida Gonçalves dos Santos, acompanhou o voto do relator, assim como os outros integrantes da Câmara, desembargadores Maria de Nazaré Gouveia e João Maroja.  (Fonte: Site do TJE/Pa)

Presidente da CASF revela que muitos associados se negam a pagar seu Plano de Saúde


O novo presidente da Caixa de Assistência dos Funcionários do Banco da Amazônia - CASF, postou no site da entidade, a seguinte mensagem:

Prezado Associado da CASF,
Ao tempo em que o saúdo, dou-lhe ciência de que, em razão do pedido de renúncia, apresentado pelo Presidente Francisco José de Menezes Erse, ao Conselho de Administração da CASF, por motivo de doença, esse mesmo Conselho, com base no artigo 42 do Estatuto, me elegeu para concluir o mandato desta atual Diretoria, como seu novo Presidente, a partir de 28.01.2013.
Embora isto muito me honre como representante junto ao corpo social da CASF, reconheço que a missão contempla desafios enormes a superar.
Meu desconforto pode se revelar em um breve exemplo, aquele que se refere à inadimplência nos planos, isto é, o não pagamento de obrigações financeiras estatutárias, por vários associados, a despeito de todo o empenho desta Diretoria nas cobranças (até judiciais) e negociações de valores que já incomodam nosso patrimônio social.
Como entender, meu caro, a situação desse associado, único responsável por seus atos, se negar a pagar o seu plano, embora insista em receber o benefício que ele contempla? Afinal este é ou não um Plano de Auto Ajuda?
Peço-lhe desculpa por trazer à luz esse desconforto, mas é para mostrar-lhe o grau de nosso embaraço, sobretudo por tratar-se da vida do cidadão e/ou de seu dependente, por vezes fragilizada, mas que deve ser valorizada e respeitada sem distinção.
Agradeço por sua compreensão, me colocando ao dispor, na expectativa de poder contar com sua ajuda.
Fraternalmente, Antônio Walmir FIOCK da Silva
Presidente

A respeito da mensagem do Fiock, o jornalista Francisco Sidou, funcionário aposentado do BASA, fez este comentário:

"Caros colegas,

Creio que faltou alguma coisa na mensagem do novo presidente da CASF. Falar, por exemplo, de medidas de contenção de despesas administrativas , que são crescentes ano após ano, com consultorias e assessorias especiais perfeitamente dispensáveis, além da necessidade de reduzir os "milionários " honorários do presidente e diretores da CASF e do presidente e diretores da Coramazon. "Milionários" para a realidade de achatamento salarial dos asociados da CASF, em sua grande maioria trabalhadores e aposentados do Banco da Amazônia. Argumentam os defensores desses altos salários com a falácia de que são compatíveis com o mercado de saúde complementar. Ocorre que uma empresa do mercado aberto, como a Unimed, por exemplo, tem mais de 200 mil associados e uma base contributiva crescente. Por isso, têm condições de pagar salários de até R$-30 mil reais para seus executivos.

O que a CASF precisa é reduzir suas despesas e aumentar sua base contributiva para buscar sua sobrevivência no mercado, onde são crescentes também as despesas médicas, em decorrência, sobretudo, de uma verdadeira indústria paralela de exames cada vez mais sofisticados e mais caros.

Culpar os associados pela inadimplência crescente talvez não seja o melhor caminho em busca de soluções. Já ocorreu aos dirigentes da CASF que muitos aposentados e pensionistas estão deixando de pagar suas mensalidades do Plano de Saúde simplesmente por não terem mais condições de acompanhar seus reajustes anuais, em média de 15%, quase o dobro ou mais dos reajustes de seus benefícios e pensões ?

Precisamos buscar saídas e alternativas e não apenas culpados. Por exemplo: por que não se tentar atrair os jovens empregados do Banco da Amazônia, cerca de dois mil que estão em outros Planos de Saúde, apenas porque lá eles não pagam co-participação nem taxa extra ? Trata-se de uma faixa diferenciada, pois geram poucas despesas com procedimentos médicos e que justamente por isso também devem merecer um tratamento diferenciado, quem sabe um plano júnior, ou coisa semelhante, sem taxa de co-participação. Quando trabalhei na CASF, como Assessor de Comunicação, cheguei até a elaborar um Kit Casf , com informações sobre a empresa e um apelo aos jovens para que aderissem ao nosso Plano de Saúde, "porque aqui nos sentimos em casa, como em família, com tratamento personalizado, enquanto que em outros planos de mercado seremos apenas mais um número"...
Nossa proposta foi simplesmente descartada pela diretoria de então, que preferia a acomodação e a rotina administrativa. Por dar muitas ideias e sugestões de melhoria, acabei sendo demitido sumariamente....

Com tantas assessorias especiais e consultorias especializadas, a CASF já deveria ter implementado essa política de atração dos jovens trabalhadores do Banco da Amazônia para ampliar sua base contributiva, trazendo para a CASF o seguro-saúde pago pelo Basa, que está indo para outros planos do mercado aberto. Do contrário, com os mais antigos abandonando o Plano de Saúde - por falta de condições de pagar suas crescentes contribuições - e os novos buscando planos de mercado, a tendência é o crescimento das despesas, das mensalidades e também do déficit.

O novo presidente se dispõe ao diálogo, tanto que compareceu a um seminário realizado sábado último na AEBA, onde os temas mais debatidos foram justamente CASF e CAPAF. Na ocasião, ele se dispôs a reunir com as entidades e lideranças para juntos encontrarmos uma saída pela sobrevivência da CASF. E prometeu começar pela redução dos "milionários" honorários das diretorias da CASF e da Coramazon. Seria um bom começo. Precisamos que o mote "A CASF é nossa" não seja apenas um slogan fantasioso e vazio como o do "O Petróleo é nosso" , enquanto continuamos pagando a gasolina mais cara do mundo..."

Alas homenageia Emir Bemerguy e empossa dois novos membros

A Academia de Letras e Artes de Santarém já está expedindo convites para a  posse de seus novos membros, Ercio Bemerguy e Neucivaldo Moreira e homenagem ao saudoso acadêmico Emir Bemerguy, dia 04 de março.
Clique no convite para aumentar o tamanho.

Justiça autoriza que adolescente tenha dois pais

O Tribunal de Justiça do Paraná aceitou pedido de adoção de um pai socioafetivo, ao mesmo tempo em que manteve o nome do pai biológico no registro civil do menor adotado. Com a decisão, o adolescente terá o nome de dois pais no registro de nascimento, além do nome da mãe.

A decisão, proferida no dia 20 de fevereiro, é do juiz Sergio Luiz Kreuz, da Vara da Infância e da Juventude de Cascavel (PR), membro do Instituto Brasileiro de Direito de Família (IBDFam).

No caso, os genitores foram casados por 11 anos e se divorciaram quando o adolescente tinha dois anos. A guarda do filho permaneceu com a genitora, porém, o pai biológico manteve contato e visitava o filho todos os fins de semana. Após o divórcio, ambos constituíram novas famílias.

“Assim, o princípio do melhor interesse da criança e do adolescente, da solidariedade familiar, no caso concreto específico, conduziram para esta conclusão, já que ambos os pais exerciam seu papel, cada um deles é importante na vida do adolescente. A decisão apenas reconhece o que já ocorre, de fato, na realidade cotidiana do adolescente”, afirma o juiz.

É bom saber...

Os pronomes, solidários oferecem-se em forma de abreviatura. Para lançar mão da facilidade, não bobeie. Use-a como manda a gramática.

Deste jeitinho: papa: Vossa Santidade (V. S.), cardeal: Vossa Eminência (V. Emª), bispos: Vossa Excelência Reverendíssima (V. Exª Revma.), Sacerdotes: Vossa Reverendíssima (V. Revma.), Padre (Pe.). Em endereçamento, pode ser usado Rvmo. Pe. Fulano de Tal. (No Blog da Dad)

Bertone administrará a Igreja até eleição do novo Pontífice

Quando Bento XVI se despedir oficialmente, às 20h desta quinta-feira (16h em Brasília), seu sucessor ainda não será conhecido, mas a Igreja não ficará sem um líder. Até a nomeação do novo Pontífice, ela será comandada por um interino. É o camerlengo, função que só ganha relevância com a morte (ou renúncia, no caso de Bento XVI) de um Papa, mas demanda responsabilidade: é ele que administra os bens da Santa Sé no período de transição. E esse papel de autoridade cabe hoje a um poderoso - e polêmico - cardeal italiano: Tarciso Bertone (foto), de 78 anos, secretário de Estado do Vaticano.
Homem de confiança de Bento XVI, Bertone foi um dos poucos a saber com antecedência sobre sua decisão de renunciar. Ele colaborou por sete anos com Ratzinger, como prefeito da Congregação para a Doutrina da Fé. Em 2006, foi nomeado por ele secretário de Estado (segundo cargo mais importante do Vaticano) e, em abril do ano seguinte, foi escolhido camerlengo, em substituição ao espanhol Eduardo Martínez Somalo.

O camerlengo é um dos poucos cargos da Igreja que não é suspenso no período de Sé vacante. Segundo a Constituição Apostólica promulgada em 1996 por João Paulo II, com a saída de um Papa os cardeais que administram escritórios da Cúria, inclusive o secretário de Estado, também deixam seus postos. O camerlengo permanece — e a função se mantém até hoje repleta de rituais, embora Bertone vá escapar de parte da tradição.

Uma das tarefas usuais ao cargo é constatar e notificar a morte do Pontífice, o que não se aplica no caso de Bento XVI, que será mantido Papa emérito. Segundo o protocolo, quando o Papa morre, o camerlengo deve ficar de pé junto ao corpo e chamá-lo três vezes pelo nome de batismo. A tradição prevê ainda que ele bata na testa do líder da Igreja com um pequeno martelo de prata para se assegurar de que ele está morto.

Juramento de silêncio

Sem ter que cuidar de um funeral, Bertone assumirá outras funções. Além de gerenciar o Vaticano - com a ajuda de três cardeais, normalmente os membros mais antigos das ordens de bispo, presbítero e diácono - o camerlengo deve fixar o dia da primeira congregação geral de cardeais, uma reunião de diretrizes, prévia ao conclave.

Também cabem a ele e seus auxiliares lacrar os aposentos do Papa, recolher o Anel do Pescador (símbolo do poder papal), organizar as acomodações dos cardeais participantes do conclave e preparar a Capela Sistina, onde acontecerá a reunião. O camerlengo também recebe o juramento de silêncio do voto dos cardeais e cuida para que o desenrolar da votação permaneça um mistério ao resto do mundo.

Não são segredo, porém, as críticas ao envolvimento de Bertone no escândalo de vazamento de documentos do Vaticano, o VatiLeaks, a seu papel de gestor e de diplomata na Cúria. A atuação como camerlengo o colocará novamente em evidência - e talvez em novas polêmicas. (O Globo)

Supremo derruba liminar de Fux sobre vetos

O Supremo Tribunal Federal (STF) derrubou nesta quarta-feira a liminar do ministro Luiz Fux (foto abaixo) que obrigava o Congresso Nacional a votar em ordem cronológica os mais de três mil vetos presidenciais que aguardam apreciação há mais de dez anos, antes de analisar o veto à lei que criou novas regras para a partilha dos royalties do petróleo.

Na prática, isso permitirá que o Congresso retome a votação do Orçamento Geral da União de 2013, que estava suspensa desde dezembro, quando Fux concedeu a liminar, e vote a qualquer momento o veto ao projeto que muda as regras de distribuição dos royalties e prejudica Rio de Janeiro e Espírito Santo, estados produtores de petróleo.

Os parlamentares dos demais estados querem votar esse veto na próxima semana, para derrubá-lo, e manter na lei a distribuição dos royalties para todos. O placar do julgamento, que não tratou do mérito, foi de seis votos a quatro.
 

Mulheres poderosas: Brasileira entra na lista da "Forbes"

Maria das Graças Silva Foster e Sheryl Sandberg
Na 7ª posição, Maria das Graças Silva Foster, CEO da Petrobras, é a única brasileira na lista das 20 mulheres de negócios mais poderosas do mundo, publicada pela revista “Forbes”. Graça Foster, como é conhecida, é considerada o braço direito da presidente Dilma Rousseff na estatal. Foi Dilma, aliás, quem a escolheu para o cargo.

O ranking é liderado por Sheryl Sandberg, presidente do conselho de administração do Facebook. Outros destaques são Irene Rosenfeld, CEO da Kraft Foods, na 4ª posição; Meg Whitman, CEO da Hewlett-Packard, na 6ª posição; Arianna Huffington, editora-chefe de jornalismo da American Online, na 12ª posição; a estilista Diane von Furstenberg, na 14ª posição; e Shery McCoy, nova CEO da Avon, na 15ª posição.

No blog do GIBA UM

Hablase español
Na semana passada, brasileiros que embarcavam de Nova York para São Paulo e Rio pela TAM, eram atendidos no balcão da companhia, no aeroporto John Fitzgerald Kennedy, apenas por funcionários falando espanhol. Não havia ninguém que falasse português. A empresa criada pelo comandante Rolin Amaro, em Marília, hoje é nitidamente uma companhia chilena. Mais: amigo desta coluna que voou, no domingo, de Campinas para Brasília, ganhou à bordo um pacotinho de amendoim, com data vencida há mais de mês e procedente da Costa Rica.
Prazo maior
Todos os réus condenados no processo do mensalão querem pedir prazo maior para o Supremo para apresentarem recursos, depois da publicação do acórdão da sentença que os condenou, incluindo prisão. É que o prazo para embargos é de apenas cinco dias e o material a ser examinado tem mais de duas mil páginas. Outros querem pedir acesso a todo o processo até antes da publicação do acórdão, o que o Supremo não permitirá. Nessa fase de embargos, os ministros do STF podem revisar e até reduzir a dosimetria das sentenças. Ou também podem reafirmá-las inteiramente.
Dinheirama
Neste ano, a Câmara dos Deputados e o Senado Federal deverão gastar, juntos, R$ 8,5 bilhões, equivalentes a R$ 23 milhões por dia. O valor é semelhante a todo o orçamento autorizado para a cidade de Belo Horizonte no ano passado (R$ 8,8 bilhões) e aos dispêndios integrais de seis ministérios: Cultura, Pesca, Esporte, Turismo, Meio Ambiente e Relações Exteriores. Estão incluídos os salários dos 15.647 servidores efetivos e comissionados da Câmara e dos 6.345 do Senado, mais aposentadorias, pensões, indenizações, compra de materiais de consumo, serviços terceirizados e outros.
Discreta
A primeira palestra da rodada internacional do governo brasileiro apresentando seu pacote de concessões no setor infraestrutura correu por conta do ministro Guido Mantega, da Fazenda, no Hotel Westin, em Nova York, nesta semana. Eram cerca de 300 pessoas no road show e numa das últimas fileiras estava a ex-ministra Zélia Cardoso de Melo, 59 anos, que mora em Manhattan com os filhos de seu casamento com Chico Anísio. Não foi reconhecida, não perguntou nada, saiu como entrou – de óculos escuros e muito magra.

Clonando Pensamento

“Elas perderam a mão. Há um excesso de musculatura. São mulheres pererecas: cintura fina, coxa grossa e perna fina”
(Luiza Brunet, 50 anos, sobre as chamadas gostosas da nova geração).

Governador em exercício, Helenilson Pontes, tem agenda de trabalho em Santarém

 Colosso do Tapajós
O governador em exercício, Helenilson Pontes, viaja para Santarém, oeste paraense, nesta quinta-feira (28), para assinar a Ordem de Serviço de reforma do estádio Colosso do Tapajós (foto). Helenilson Pontes também vai inaugurar a Unidade Integrada de Polícia (UIP) de Alter do Chão e fará visita técnica a algumas obras realizadas pelo Governo do Estado no município.
UIP em Alter do Chão

Governador Simão Jatene desobstrui artéria e passa bem após procedimento no coração.

O governador do Pará, Simão Jatene, 63 anos, foi submetido ontem a procedimento cirúrgico no Hospital do Coração, em São Paulo. Após uma consulta realizada na véspera, o cardiologista Marcos Barros recomendou a realização imediata de um cateterismo. Esse exame - que consiste na introdução de uma microcâmera, normalmente a partir de uma incisão na virilha, percorrendo a veia femural e a aorta até as artérias coronárias - constatou a obstrução parcial de uma artéria por uma placa de gordura e, por isso, no mesmo procedimento foi colocado um stent, pequeno dispositivo de uso interno e permanente que expande a veia, possibilitando o fluxo sanguíneo normal.

Em nota, a Secretaria de Estado de Comunicação (Secom) informou que o governador passa bem. Ele está consciente e segue internado, devendo receber alta até o final de semana. Jatene tem problemas cardíacos pelo menos desde 1999, quando colocou os dois primeiros stents. O terceiro stent foi colocado em 2009 e, ontem, ele recebeu o quarto. De acordo com a Secom, o governador vinha sofrendo picos de pressão alta recorrentes. Agravado por forte emoção, ele deixou de comparecer ao enterro do ex-governador Almir Gabriel, na última quinta-feira, como estava planejado, atendendo a recomendação médica. Jatene entrou de férias na última segunda, quando viajou a São Paulo na companhia da secretária adjunta da Saúde, Heloíza Guimarães, que também é sua cardiologista particular, para fazer um check-up no Hospital do Coração.

O procedimento durou duas horas, sendo realizado entre às 13h30 e às 15h30, sob o comando do cardiologista José Eduardo Souza. A inclusão do stent foi decida pelo cardiologista, por ser considerado um "procedimento menos agressivo que uma cirurgia convencional", conforme destaca a nota da Secom. Não foi informado quando Jatene deverá reassumir as funções no governo do Estado.

Explicações - O cardiologista clínico Antônio Luiz Bezerra explicou ontem que o cateterismo e a colocação do stent são recomendados para casos em que a obstrução da artéria coronária é de pelo menos 70%. "O cateterismo verifica o grau de obstrução do vaso sanguíneo e, a partir dele, se decide qual o tratamento a ser adotado, se clínico, com o uso de medicamentos e mudança de estilo de vida, ou, em casos de lesões moderadas a importantes, uma angioplastia com a colocação do stent ou mesmo uma cirurgia cardíaca", detalhou.

Segundo Bezerra, o stent se assemelha a uma prótese metálica semelhante a uma pequena mola, do tamanho da mola de uma caneta, que é introduzida de forma contrita, mas dentro do organismo é acionada para que se expanda, esmagando a placa de gordura que obstrui a artéria e esticando o vaso possibilitando a passagem do sangue. (Jornal Amazônia)

BRT: Zenaldo coutinho anuncia fim de contrato com empresa Andrade Gutierrez e retoma obras de elevados até junho

Na reunião pública sobre o projeto BRT Belém, ontem no Hangar - Centro de Convenções e Feiras da Amazônia, o prefeito Zenaldo Coutinho (PSDB) anunciou que até junho espera construir os dois elevados no Entroncamento e romper o contrato de execução das obras firmado na gestão anterior com a empresa Andrade Gutierrez, na ordem de R$ 400 milhões, com serviços de São Brás até Icoaraci, abrindo, nesse mesmo período, novo processo licitatório objetivando a conclusão dos serviços até 2016.
Prefeito Zenaldo anuncia ações para concluir BRT
Zenaldo Coutinho afirmou que as obras do BRT Belém, suspensas desde dezembro, têm previsão de ser retomadas em março e até junho serão concluídos serviços no Complexo do Entroncamento, como primeira parte do projeto. A Andrade Gutierrez não quis se manifestar, ontem, sobre a afirmação do prefeito, mas poderá fazê-lo em breve. A Prefeitura deve R$ 56 milhões à empresa. A nova licitação para o projeto envolverá obras na avenida Almirante Barroso e rodovia Augusto Montenegro até Icoaraci e de São Brás até o Ver-o-Peso.

"Estamos levantando as obras executadas na gestão anterior e com relação a esse débito temos o apoio do governo estadual para o pagamento", observou o prefeito. A Prefeitura vai substituir as muretas de concreto na pista da avenida Almirante Barroso possivelmente por telas isolantes das obras no eixo central, bem como as estações deixarão de ser cilindricas para ganhar estética regional. As muretas deverão ser aproveitadas na rua Yamada, no Benguí, que vai entrar em obras pelo governo estadual, e na avenida João Paulo II. No evento de ontem, o coordenador do Programa Ação Metrópole do Governo do Estado, César Meira, ratificou a integração do BRT-Belém com o BRT Metropolitano, reunindo R$ 1 bilhão de investimentos, inclusive, recursos da Jica (Japão). Ao lado do cônsul geral adjunto do Japão no Pará, Rei Oiwa, e do superintendente regional da Caixa, Evandro Lima, destacou as vias alternativas ao BRT Metropolitano (de Marituba ao Centro de Belém): João Paulo II e Independência.
 Auditório do Hangar ficou lotado
São três as dificuldades enfrentadas pela Prefeitura para encaminhar as obras do BRT Belém, segundo o prefeito: ações judiciais do Ministério Público Federal e do Estado questionando desde o processo licitatório do projeto, em trâmite nas duas esferas; necessidade de adequação às exigências do Ministério das Cidades, o que já é providenciado pela Amub, como disse a superintendente Maísa Tobias; pagamento da dívida com a empresa contratada. A PMB negocia a continuação das obras com financiamento de recursos públicos com a Superintendência da Caixa Econômica Federal e Ministério das Cidades, com a parceria do Governo do Estado, e em breve será firmado um Termo de Ajustamento de Conduta entre as partes para conclusão da primeira fase do projeto (Entroncamento) até junho.  (Fontes: Jornal Amazônia e Portal ORM)

Irmão de Ana Júlia Carepa será julgado amanhã

Irmão de Ana Júlia Carepa será julgado amanhã (Foto: Tarso Sarraf/arquivo)
(Foto: Tarso Sarraf/arquivo)
João Carlos Vasconcelos Carepa (foto), irmão da ex-governadora do Pará, Ana Júlia Carepa, será julgado, nesta quinta-feira (28), em segunda instância, depois ter sido condenado, em julho de 2010, pelo crime de pedofilia contra uma menina de 11 anos, em 2006. O julgamento, que será aberto ao público, acontecerá no Tribunal de Justiça, na 3ª Câmara Criminal Isolada, a partir das 9h30.

O Ministério Público atua no caso como o titular da ação penal através da procuradora de Justiça Dulcelinda Lobato Pantoja, que atuará amanhã juntamente com o advogado assistente de acusação, Steffen Von Grapp II, indicado pela mãe da menor citada no processo.

A realização do julgamento foi publicada hoje (27) no Diário de Justiça do Estado, mas, estranhamente, o nome de João Carlos não aparece por extenso, é citado apenas pelas iniciais J. C. V. C, conforme imagem abaixo.
O advogado de acusação, Steffen Von Grapp II, disse ter estranhado que apenas ontem (27), véspera do julgamento, o caso tenha sido publicado no Diário de Justiça. "Normalmente, esse comunicado é feito com antecedência, para que a acusação se prepare melhor. Acredito até que Tribunal está querendo evitar dar muita publicidade no caso em questão, para que tudo passe em branco. Vou torcer para que eu esteja enganado", disse ao DOL.

Para sua defesa, Carepa contratou o advogado Américo Leal, que disse estar confiante no resultado do caso. "Temos muitas fotos e documentos que ainda não foram analisadas e provam a inocência do meu cliente. Não posso dar mais detalhes pois são informações confidenciais, mas estamos confiantes". Quando questionado sobre o fato de aparecer apenas as iniciais do nome de Carepa no Diário de Justiça, Leal afirmou não pode ser divulgado o nome por se tratar de um caso que envolve menores de idade.  (Dol)

DOL MOBILE Belém, 28 de Fevereiro de 2013 Diario do Pará RBATV 99FM DiarioFM 92,9 Radio Clube TEM (Classificados) NOTÍCIAS ESPORTE VOCÊ GUIA MULTIMÍDIAS SHOPPING ED.ELETRÔNICA ÁREA DE LOGIN Notícias Pará + Pará Poucos enfermeiros estão aptos para atuar em parto

O número de enfermeiros qualificados, no Pará, que atuam antes, durante e após o parto é insuficiente. Quem afirmou foi o presidente do Conselho Regional de Enfermagem no Estado (Coren-PA), Mário Antônio Vieira, durante um debate do Fórum Saúde Mulher, que discutiu a importância do enfermeiro obstetra nas salas de parto e sua qualificação profissional. De acordo com ele, apenas seis mil enfermeiros atuam no Pará, mas grande parte não está apta para trabalhar na hora do procedimento.

O presidente explica que grande parte dos hospitais têm dificuldade para manter um enfermeiro preparado em uma sala de parto. Por isso, houve um aumento na taxa de mortalidade de mulheres, durante o parto, e de crianças, logo após o nascimento. "A Região Norte está em terceiro lugar no ranking nacional desses tipos de morte. E o Pará tem uma grande contribuição nesses números", afirma sem saber precisar os números.

Os lugares de maior precariedade são as regiões do Araguaia, Xingu, e alguns pontos da Região Metropolitana de Belém, onde a maioria das mulheres não tem acesso ao atendimento. Segundo Mário Antônio, alguns hospitais não colocam enfermeiros para trabalhar em todos os turnos do dia. "Aqui, se deixa apenas um enfermeiro quase sempre em um único turno. Isso complica o parto, perdemos mulheres e crianças", denuncia.

Para reverter a situação atual, já existe um plano de ação para atingir todos os municípios, principalmente os que têm o maior índice de mortalidade materna. O objetivo é fazer um estudo com o ciclo de atualização em enfermagem obstétrica aos profissionais. "É muito preocupante. Isso é uma política nacional que está sendo incrementada mais ainda pelo conselho por especialistas, exatamente para poder coordenar essas ações da rede cegonha no Pará. Queremos qualificar pelo menos 60% de todos os enfermeiros do Pará", pretende.

Outra meta do projeto é reduzir o número de partos cesarianos. O presidente do Coren-PA explica que existe uma tendência dos gestores, principalmente dos hospitais privados, de aumentar os partos cesarianos para gerar mais lucro. "Nós queremos mudar essa lógica para fazer mais partos naturais. Se a mulher tiver de seis a oito consultas, aos nove meses a criança será bem recebida e o parto bem conduzido", aposta.  (Dol)

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

Receita apreende jatinho dos Maiorana

(Foto: Octávio Cardoso)
A ORM Air Táxi Aéreo, de propriedade de Romulo Maiorana Jr., não é mais fiel depositária do jatinho de luxo de fabricação norte-americana de cerca de US$ 15 milhões apreendido pela Receita Federal em agosto do ano passado sob a suspeita de descaminho (entrada de produtos importados sem o devido pagamento de impostos). Auditores da Receita estiveram no final da manhã de ontem no hangar da empresa e apreenderam a aeronave, que foi transferida para um pátio do aeroporto.

A ORM Air estava como fiel depositária do jatinho há seis meses, à espera de uma decisão do processo, e ontem a Receita Federal decidiu remover o bem. Especialistas consultados pelo DIÁRIO afirmam que, quando a Receita age dessa forma, é praticamente certa a decretação do perdimento do bem, decorrente da prática de descaminho. “Nesse caso, a empresa aérea de Romulo Jr. perde a posse sobre o bem, que fica sob a tutela da União”, observou um advogado tributarista consultado pelo jornal.

A ORM Air ainda pode recorrer no âmbito administrativo na Receita Federal; e no âmbito da Justiça Federal se o perdimento ocorrer de fato, mas a chance de sucesso é remota. “Se for confirmado o perdimento, a aeronave permanece no pátio até que a Receita Federal decida leiloá-la. O descaminho pode ser sanado caso o réu arque com toda a dívida perante o fisco, com juros e correção. Nesse caso o réu admite o crime tributário”, esclarece o especialista.  (No Diário do Pará)

Mário Couto vai pedir para presidente do STF julgar político paraense

O senador Mário Couto (PSDB-PA) disse ontem, em discurso, que agendou para a próxima semana audiência com o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Joaquim Barbosa, para pedir celeridade no julgamento das ações que envolvem parlamentares envolvidos em casos de corrupção, principalmente nos processos que tramitam no STF há mais de dez anos. O senador elogiou o ministro, que foi relator do processo do Mensalão, por ter punido os "petistas corruptos" e completou que a luta pela moralidade do País tem que continuar.

"Meu caro Joaquim Barbosa, o País não pode parar nos mensaleiros. O País tem que prender mais. No meu Estado, por exemplo, existem políticos que têm verdadeira riqueza, sem nunca terem trabalhado numa empresa privada, sem nunca terem sido empresários, só políticos, a vida inteira sendo políticos e têm patrimônios avaliados em mais de R$ 100 milhões. Ora, como é que um político que percorre a mesma caminhada dos outros, a mesma caminhada que eu percorri, enriquece desse jeito?", disse o senador, convidando toda a oposição a participar da audiência.

"Nós temos que ir a esta audiência porque nós queremos a moralidade do nosso Senado e da nossa pátria. Aqueles que ficaram com o dinheiro público precisam ir para a cadeia! Eu tenho aqui em mãos alguns processos que caminham no Supremo Tribunal Federal, de um homem da minha Terra, que ficou rico, milionário, à custa do povo da minha terra. Olhem como são as pessoas, como é que essas pessoas usam do seu prestígio. Encostam no governo federal, encostam imediatamente e começam a ficar amigo do presidente da República, começam a ser ‘amigo de cozinha’ para segurar a tramitação dos processos. Esses processos que eu tenho em mãos vão me acompanhar até o ministro - que já tramitam no Supremo, há mais de dez anos, e não são julgados. Esses processos, eles têm que sair da gaveta de alguém, esses processos têm que tramitar e ser julgados." (No jornal Amazônia)

Paysandu receberá R$ 3 milhões

Em reunião realizada ontem, na sede da CBF (Confederação Brasileira de Futebol), no Rio de Janeiro (RJ), com todos os representantes dos clubes da Série B do Campeonato Brasileiro, incluindo o presidente do Paysandu, Vandick Lima, foi confirmada a nova cota de participação das 20 equipes que disputarão a competição. Com exceção de Palmeiras-SP e Sport Recife-PE, que por serem membros do Clube dos 13 possuem um acordo separado, as demais equipes irão receber uma cota de oito parcelas de R$ 375 mil, R$ 3 milhões ao todo. No ano passado, o valor total foi de R$ 2 milhões.

De acordo com o presidente do Paysandu, a logística da competição nacional permanecerá a mesma, com a CBF custeando os valores de passagens e hospedagens para todos os integrantes da comissão técnica. Além disso, o repasse da cota de televisão aumentou em 50% em relação ao passado, bem como o número de bolas repassadas aos clubes. Também será de responsabilidade da entidade o custo dos exames antidoping, que antes eram pagos pelos clubes com a receita da comercialização de ingressos.

O presidente ainda comentou sobre uma premiação extra para os clubes que conseguiram acesso em 2012. Serão mais R$ 200 mil aos cofres bicolores. "Os quatro clubes que subiram terão premiação em dinheiro. O clube campeão vai levar R$ 400 mil e R$ 200 mil para os demais".

Ainda sobre a reunião, Vandick contou que a CBF irá propor ao Congresso Nacional um Projeto de Lei (PL) sugerindo a extinção das dívidas de todos os clubes das Séries A, B, C e D com a União. Com isso, as agremiações se comprometeriam em pagar rigorosamente todos os seus tributos, dentro eles, INSS e FGTS, sob pena de perderem pontos nas competições em que estejam inseridas no cenário nacional. Outro pré-requisito é o estímulo aos esportes olímpicos, já que cada clube teria que ter pelo menos três modalidades em seu quadro esportivo.

"O anteprojeto está pronto e será enviado ao Congresso Nacional e tem a concordância da Presidência da República. Seria o perdão de todos os clubes das quatro séries do campeonato Brasileiro das dívidas com a União, com a exigência de pagamento em dia daqui em diante. Quem não bancar em dia perderá pontos nas competições ou até ficar de fora. É importante porque ganharíamos um perdão de dívidas significativas e a obrigação de pagar a União em dia", explicou Vandick. (Fonte: Portal ORM)

Romário e Vasco chegam a acordo, e clube terá que pagar 120 parcelas de R$ 150 mil

Romário e Vasco da  Gama chegaram a um acordo para o pagamento da dívida que o clube tem com o Baixinho. em audiência no Fórum, no Centro do Rio, ontem (26). Os advogados fizeram pedido de segredo de Justiça em relação ao valor, mas estima-se que o Vasco vá pagar R$ 18 milhões ao ídolo, divididos em 120 parcelas mensais de R$ 150 mil. O valor, no entanto será reajustado a cada ano, e o primeiro pagamento deverá ser efetuado em janeiro de 2014.

O presidente do Vasco, Roberto Dinamite, saiu satisfeito da audiência: - O acordo foi bom para as duas partes, principalmente para o Vasco.

Se o pagamento de uma dessas parcelas da dívida atrasar quatro meses (120 dias), o valor aumenta em 50%. Ou seja, de R$ 150 mil subiria para R$ 225 mil. O Vasco vai dar como garantia a cota de televisão que recebe da TV Globo.

O Vasco já pagou R$ 7 milhões ao Baixinho, mas foi alvo de uma ação após atrasar os pagamentos restantes.

Ingressos para Re x Pa somente em rede de farmácia

Buscando descentralizar a compra e evitar a ocorrência de confusões nos estádios e sedes de Clube do Remo e Paysandu, foi anunciado ontem (26)  que a venda de ingressos para o último jogo da Taça Cidade de Belém será realizada apenas na rede de farmácias Big Ben. Serão ao todo mais de 60 pontos de venda.

Ficou decidido também que não haverá venda de ingressos no estádio Mangueirão no dia do jogo. A sobra dos ingressos vendidos na rede de farmácias será levado para as bilheterias de Curuzú e Baenão às 9 horas do dia do jogo e permanecerão à venda até o meio-dia.

Ceará faz exame de toque no meio de sua festa de 40 anos

 Wellington Muniz, o Ceará do ‘Pânico na Band’, chegou aos 40 anos com direito a muitos convidados em sua casa, no Brooklyn Paulista. Mas, pouco depois de 0h30, os humoristas Marcos Chiesa, o Bola, e Marcelo Picon, o Bolinha, entraram na festa acompanhados de um médico com uma maca. Ninguém entendeu nada. A música foi interrompida.
Fotos da festa
Cercados por diversos integrantes do programa, os humoristas deram parabéns a Ceará e falaram sobre a importância do exame de toque retal aos 40 anos, para detectar alterações na próstata e prevenir o câncer. Mirella Santos, mulher de Wellington, foi chamada e chegou a incentivar o marido, achando que tudo não passava de uma brincadeira. E ficou desesperada quando percebeu que uma ambulância aguardava Ceará no lado de fora da casa. O câmera acompanhou Wellington, que entrou na ambulância e garante ter feito o exame. E você acha que a brincadeira do ‘Pânico’ parou por aí? Que nada! Logo depois do parabéns, o DJ tocou um refrão da música ‘Festa no Apê’, de Latino, ex de Mirella. A risada foi geral! (Na coluna do Leo Dias - jornal O Dia)

Padre beija duas moças na casa paroquial

Um vídeo obtido pelo jornal Extra mostra o padre Emilson Soares Corrêa fazendo sexo com duas jovens dentro da casa paroquial da Igreja Nossa Senhora do Amparo, em São Gonçalo, onde trabalhava. Elas se revezaram nas filmagens do flagrante, feitas com um celular. Uma das vítimas, de 19 anos, acusa o padre de estuprá-la desde os 7 anos. A outra jovem que aparece no vídeo seria menor de idade, de 15 anos. O tempo total do vídeo é de 5 minutos, mas os trechos com cenas de sexo explicíto foram excluídos.

O padre é acusado, ainda, de abusar sexualmente da irmã da jovem de 19 anos, uma criança de apenas 10 anos. Em depoimento, a mais velha contou que armou a situação a pedido de seu pai e chamou uma outra adolescente para fazer sexo com o religioso.

A denúncia foi levada à delegacia pelo pai das meninas. Segundo ele, foi sua ex-mulher que flagrou a filha mais velha discutindo com o padre. Na ocasião, a jovem revelou à mãe que se relacionava sexualmente com o pároco.

Em petição enviada à delegacia, Emilson confessa ter mantido relações sexuais com a mais velha das duas irmãs, mas só após ela ter completado 18 anos. Segundo o texto, ele "se sentiu envolvido emocionalmente" com a jovem.

A delegada Marta Dominguez indiciou o padre por estupro de vulnerável. Ela explica que a denúncia só leva em consideração o abuso sexual contra a irmã mais nova, de 10 anos. Segundo ela, o caso da irmã mais velha não se enquadra no crime, já que não ficou provado que houve qualquer tipo de ameaça contra ela, o que seria necessário para caracterizar o estupro de uma vítima maior de 14 anos.

“A carne é fraca. O padre também é um ser humano”. Assim o advogado Roberto Vitagliano justificou a postura de seu cliente, Emilson Soares Côrrea. - - Ele manteve sim relações (com a jovem) desde o ano passado. É uma moça lúcida, bonita e insinuante. Sabia o que estava fazendo - disse o advogado.

Segundo Vitagliano, o padre foi seduzido pela garota: - O Emilson é uma pessoa simples e a apuração dos fatos mostrará que ele é uma vítima. Tanto que comunicou tudo o que aconteceu ao Ministério Público, em novembro do ano passado, antes de os fatos virem à tona. Essa acusação de estupro é uma deslavada mentira. A criança está sendo manipulada pelo pai.
Veja video aqui > padre beija jovens

No blog do GIBA UM:

Força no futebol – 1
Marxista e palmeirense, o ministro do Esporte, Aldo Rebelo, prepara pacote de medidas (mais um) para resolver dividas dos clubes e das federações. Os clubes deverão dar apoio à iniciação ao esporte para menos favorecidos em troca de perdão ou renegociação de dividas com a Receita e Previdência. As negociações estão andando e as medidas poderão ser anunciadas depois da Copa das Confederações. Para quem não sabe: os clubes brasileiros devem mais de R$ 2 bilhões. Fora não recolhimentos de impostos, muitos estão sendo processados pela Receita por jogadas-extras na compra e venda de jogadores.
Força no futebol – 2
Com toda fama do futebol brasileiro lá fora, o ministro Aldo Rabelo descobriu que o país engatinha nesse mercado, respondendo apenas por 2% do universo do esporte mundial, às vésperas de sediar a Copa das Confederações e a Copa do Mundo. A Inglaterra tem 30% do mercado, a Espanha, 18%, a Alemanha, 16% e a Itália, 13%.

Milionária sensual

Pela primeira vez, a socialite Val Marchiori, a mais polemica integrante do reality show Mulheres Ricas 2, concorda em fazer um ensaio repleto de sensualidade para o iG, posando no hall de entrada de seu super-apartamento nos Jardins, em São Paulo e no grande terraço. Ela mora no edifício L’Essence, onde cada apartamento custa, em média, R$ 15 milhões e até Naomi Campbell foi dona, durante um tempo, na cobertura. A entrevista é repleta de surpresas. Uma delas: “Acho que Viviane Araujo e Simony deveriam se juntar e criar uma ONG de ex-esposas de presidiários” Outra: “É fácil chorar no meu Porsche do que num Fusca”.
Danusa em campo
O pedido de ingresso de Guilhermina Guinle no Country Club do Rio será analisado novamente, depois de ter sido recusado, supostamente por problemas com seu namorado Leonardo Antonelli. Nesses dias, amigos de Guilhermina e inimigos do Country tratavam de proliferar na internet trechos de crônica de Danuza Leão sobre o episódio. Um deles: “O Country é um clube decadente, freqüentado por pessoas – excetuando algumas poucas – tão decadentes quanto. Gente que não tem coragem de se expor e passa a vida almoçando, jantando, casando, traindo, roubando, dando pequenos golpes, dentro da própria família, protegida pelas paredes do clube, lá tudo pode e tudo é perdoado”.

Elieser é eliminado do BBB13

Ontem (26), com 46% dos votos , o paranaense Eliéser foi o sétimo eliminado do Big Brother Brasil 13. Em entrevista coletiva, após deixar o confinamento, o engenheiro agrônomo disse que o excesso de confiança pode o ter atrapalhado no jogo. "Eu não achava que ia sair hoje, mas também sabia que não ia ganhar o programa porque eu já tinha participado de outra edição. Me incomodou o jeito que foi colocado essa questão veteranos e novatos", afirmou ele, nesta terça-feira (26).

Eliéser também comentou o episódio em que ficou chateado com Kamilla , com quem teve um relacionamento no programa, por ter entendido que ela falou que seu pênis era pequeno. "Ela fez um gesto que, no Pará, quer dizer que a pessoa está fugindo e para mim, lá no Paraná, parece pinto pequeno. Fiquei chateado porque entendi errado. Essa miscigenação, esse regionalismo do 'BBB' é muito louco. ", disse ele, que descarta posar nu para desmistificar as desconfianças sobre o assunto. "Tenho outro foco para minha carreira".

Sobre Kamilla, ele desconversa sobre um possível relacionamento fora do BBB. "Combinamos de conversar aqui fora porque não queria me aproximar dela enquanto estava emparedado. Fiquei com medo das pessoas acharem que eu estava aproveitando a situação para tentar continuar o relacionamento e ficar na casa", explicou.

terça-feira, 26 de fevereiro de 2013

Ministro Joaquim Barbosa: música e pizza com namorada em Trancoso

Joaquim Barbosa e a namorada
Domingo (24), uma trupe de poderosos se reuniu para jantar na pizzaria Maritaca, após o segundo dia do festival Música em Trancoso. E isso incluiu o ministro Joaquim Barbosa, muito bem acompanhado da namorada, uma morena de beleza bem brasileira, que usava chapéu Panamá. De camiseta e bem à vontade, Joaquim tirou foto com todos, sempre sorrindo.  (Glamurama)

Oscar 2013: Trajes deslumbrantes

Vestidos deslumbrantes passaram pelo tapete vermelho do Oscar 2013, nesse domingo. Quase todos com um detalhe que faz toda a diferença: a cauda. Começando pela estrela da noite, escolhida a melhor atriz do ano, Jennifer Lawrence (fotos), que vestiu look Dior, passando por Amanda Seyfried, de Alexander McQueen, e Amy Adams, que vestiu Oscar de la Renta. Confira nossa seleção >Vestidos com cauda roubam a cena no tapete vermelho do Oscar
Fonte: Glamurama

Oscar: namorada de Cristiano Ronaldo rouba cena com decote ousado

Irina Shayk, namorada do jogador Cristiano Ronaldo, aproveitou a festa pós-Oscar oferecida pela revista Vanity Fair, em Los Angeles. Ela chamou atenção pelo decote ousado. A morena chegou a postar fotos na rede social Instagram com uma estatueta brincando que conquistou um prêmio. - "Esqueci totalmente de dizer a vocês que eu ganhei o Oscar! Eu gostara de agradecer...", brincou ela, ao parafrasear o discurso mais dito por vencedores do prêmio.
A

Anvisa proíbe fabricação e comercialização de álcool líquido

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) determinou, por meio de resolução publicada hoje (25/2) no Diário Oficial da União, a suspensão da fabricação, distribuição e comércio em todo o território nacional de álcool líquido com graduação acima de 54º Gay Lussac. A medida de estende a todas as empresas fabricantes e as associadas à Associação Brasileira dos Produtores e Envasadores de Álcool (Abraspea). Além de proibir a comercialização, a Anvisa determina que as empresas recolham o produto remanescente no mercado.
A resolução é fruto de um impasse judicial. Em 2002, a Anvisa proibiu a fabricação e comercialização do produto por considerar que o álcool líquido oferece riscos de acidentes por queimadura e por ingestão, mas, no mesmo ano, a Justiça suspendeu a determinação. Em 2012, a Justiça Federal derrubou a suspensão e deu até 31 de janeiro de 2013 para a indústria se adequar à nova norma. Na ocasião, a Abraspea entrou com recurso, que acabou por embargar a decisão.

Segundo a Anvisa, o álcool de uso exclusivo em estabelecimentos de assistência à saúde e o álcool comercializado em embalagens de até 50 mililitros (ml) podem ser comercializados na forma líquida, independentemente da graduação alcoólica.

Missa de 7º dia de Almir Gabriel é tomada pela emoção


Familiares e amigos do ex-governador Almir Gabriel se reuniram ontem (25), na Igreja de Santo Alexandre, Cidade Velha, para assistir à missa que marcou o sétimo dia da morte do ex-governador. Com a celebração, presidida pelo Capelão da Polícia Militar, padre Eloi Wayth, encerrou-se o luto oficial no Estado, decretado pelo governador Simão Jatene no dia da morte do político, no último dia 19 deste mês.
Ao final do ato religioso, foi feita uma homenagem especial ao ex-governador. Um vídeo relembrou fatos importantes da trajetória dele, emocionando o público que lotou a igreja, que é parte de um dos projetos mais festejados da gestão do ex-governador: o complexo Feliz Lusitânia. O pianista Paulo José Campos de Melo foi quem recepcionou os participantes da missa, executando, ao piano, algumas das canções favoritas de Almir, como 'Carinhoso', de Pixinguinha. Em seguida, durante a missa, ele acompanhou o Coro da Fundação Carlos Gomes, que, regido pela maestrina Maria Antônia Jimenez, entoou os cânticos que animaram a celebração. O presidente da Assembleia Legislativa do Pará, deputado Márcio Miranda, o prefeito de Belém, Zenaldo Coutinho, e o senador Flexa Ribeiro foram algumas das autoridades que compareceram ao evento. 'Tenho certeza que o nome de Almir Gabriel estará, para sempre, registrado no coração de todos os paraenses, e escrito na nossa história', disse o senador.
Memórias – O primo, amigo e médico Alfredo Oliveira, considerado o biógrafo de Almir Gabriel, relembrou passagens interessantes da vida do ex-governador, em fala emocionada durante a missa. Ele recordou, por exemplo, a dedicação e entusiasmo que Almir mantinha pelos pacientes, durante o trabalho como médico, chegando, muitas vezes, a deixar de dormir e se alimentar em função disso.

'Lembro-me de uma vez em que ele trabalhava em um hospital e, ao passar pela enfermaria, viu uma mulher, já no oitavo mês de gravidez, sofrendo com uma violenta hemorragia. Sem vacilar, ele pegou um bisturi, que estava jogado em cima de uma mesa de enfermagem, se dirigiu até ela, fez a incisão e retirou a criança da mãe. Mais tarde, soubemos que a criança foi batizada como Gabriel, numa homenagem a ele', detalhou.

Da mesma maneira, o padre Eloi Wayth contou que, há cerca de seis anos, celebrava uma missa de sétimo dia em que o ex-governador estava presente. Na ocasião, um cantor lírico chamado Sílvio Rodrigues entoou uma música chamada 'Pie Jesu' ('Piedoso Jesus', em tradução para o português). Almir Gabriel gostou tanto da interpretação que confessou ao padre que gostaria de ter, em sua própria missa de sétimo dia, a mesma apresentação. Assim, atendendo ao desejo do ex-governador, nesta segunda-feira, o cantor lírico Sílvio Rodrigues, que também é membro do Coro Carlos Gomes, fez uma homenagem especial a Almir Gabriel, cantando a mesma peça, ao final da celebração. Música, aliás, foi o que não faltou na missa. Assim como o enterro do ex-governador, o ato religioso foi encerrado com 'Carinhoso', de Pixinguinha, cantada por toda a plateia, emocionada.  (Portal ORM)

Dilma é ingrata e ‘cospe no prato que comeu’, diz Fernando Henrique

Em novo ataque ao PT, a quem acusou de não reconhecer os avanços dos governos tucanos, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso criticou a presidente Dilma Roussef (PT) que, segundo ela, demonstra ingratidão e “cospe no prato que comeu”.

— O que podemos dizer de uma pessoa ingrata? A presidente cospe no prato que comeu — disse nesta segunda-feira Fernando Henrique, antes de participar em Belo Horizonte de um seminário promovido por seu partido.

Na última quinta-feira, durante a festa pelos dez anos do PT no poder, Dilma foi lançada candidata à reeleição pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Ela rejeitou a herança de Fernando Henrique Cardoso ao dizer que “nós não herdamos nada. Construímos”.
 
Leia mais em Dilma é ingrata e ‘cospe no prato que comeu’, diz Fernando Henrique
Leia, também >2005, o ano que não existiu

No blog do GIBA UM:

Farra de publicidade
A União gastou R$ 391,5 milhões em publicidade institucional e de utilidade publica em 2012, ano de eleições municipais, 11,3% a mais do que no ano anterior, R$ 351,4 milhões. Em publicidade institucional, foram gastos R$ 159,4 milhões e desse total, 63% foram utilizados pela Presidência da República. Entre as principais campanhas, a divulgação da conferencia Rio+20, em junho do ano passado. Atrás da Presidência, o Ministério do Turismo foi o que mais gastou: R$ 12,8 milhões. E em seguida, o Ministério da Agricultura, com mais R$ 10 milhões.
A casa de Romário
O deputado Romário (PSB-RJ) alugou uma mansão no Lago Sul, em Brasília, com seis suítes, piscina, spa, churrasqueira e salão de jogos. Depois, reformou um campo de futebol society e outro de futvôlei, ocupando áreas do cerrado protegidas pela legislação do Distrito Federal, mas que já haviam sido desmatadas. O ex-craque também está construindo um píer para facilitar o acesso ao lago. E não está nem um pouco preocupado com ameaças de representantes do governo do DF, que exigem a remoção de construções irregulares à beira do lago.
Sucessão de Gurgel
O mandato do procurador-geral da República, Roberto Gurgel, que já foi reconduzido ao mesmo posto no final de seu primeiro período, termina em agosto deste ano. Os petistas estão em campanha desde já para que ele não permaneça, especialmente por conta de suas posições em relação aos mensaleiros. Enquanto isso, já vai aumentando a lista de cotados para o lugar de Gurgel: a vice-procuradora geral da República, Deborah Duprat; a vice-procuradora eleitoral, Sandra Cureau e o subprocurador Rodrigo Janot Monteiro.
Super-audiência
A despedida publica do Papa Bento 16 será amanhã, véspera oficial da renuncia, com uma missa na Praça de São Pedro. Analistas de plantão acham que a audiência da TV mundial deverá beirar a dos jogos da Copa do Mundo. Domingo passado, às oito horas da manhã, o Angelus deu à Globo e à GloboNews (que seguiu com debates) audiências nunca registradas em seus programas dominicais.
Perfume com Neymar
Depois de aparecer na capa da revista Time apontado como o próximo Pelé, o jogador Neymar acaba de ser contratado pela marca francesa Guy Laroche para protagonizar nova campanha do tradicional perfume Drakkar Noir, que está no mercado há décadas e agora ganhará nova força. Neymar deverá ganhar R$ 2,6 milhões e aplicar sua assinatura em edição limitada de vidros. O contrato também inclui um projeto social de treinamento e apoio escolar a jovens carentes entre 7 e 16 anos, em comunidade do Rio.

segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

Remo empata no último minuto e mantém vantagem na final

As torcidas do Papão e do Leão
Ficha do jogo (Paysandu 1 x 1 Remo) ontem, no Mangueirão:
Paysandu - Zé Carlos; Yago Pikachu, Diego bispo, Thiago Costa e Rodrigo Alvim; Vânderson (Esdras), Ricardo Capanema, Djalma e Eduardo Ramos (Alex Gaibu); João Neto e Rafael Oliveira (Iarley). Técnico: Lecheva
Remo - Fabiano; Zé Antônio, Carlinho Rech e Mauro; Walber, Gerônimo, Jhonnatan, Thiago Galhardo (Ramón) e Berg; Fábio Paulista (Branco) e Leandro Cearense (Val Barreto). Técnico: Flávio Araújo
Gols: João Neto aos 35'/1ºT (Paysandu); Zé Antônio aos 46'/2ºT (Remo)
Cartões amarelos: Yago Pikachu e Rodrigo Alvim (Paysandu); Carlinho Rech (Remo)
Local: Mangueirão (Belém/PA)
Hora: 16h
Árbitro: Héber Roberto Lopes (SC)
Assistentes: Kléber Lúcio Gil (SC) e Rodrigo Henrique Corrêa (RJ)
Quartos-árbitros: Joelson Nazareno Cardoso (PA) e Joel Silva dos Santos (PA)
Público: 39.278 (36.668 pag. e 2.160 grat.)
Renda: R$ 909.600,00
Juizados Itinerantes receberam duas demandas
Até o início da noite deste domingo (24) os Juizados Especiais Itinerantes – Futebol com Justiça, registraram duas demandas relacionadas a delitos previstos no Estatuto do Torcedor  (Lei Federal 10.671/03) e na Lei dos Juizados Especiais (9.099/95).
Três ônibus dos Juizados foram deslocados ao estádio Olímpico Edgar Proença, o Mangueirão, para garantir a tranquilidade e segurança daqueles que compareceram ao clássico RexPa.

 Durante a operação,dois cambistas foram julgados por vender ingressos acima do preço de mercado.   Eles foram punidos com a proibição de comparecer a estádios de futebol no Pará por um período de seis meses. Para garantir o cumprimento da pena, eles terão que comparecer a um batalhão da PM, em dias de jogos, onde participarão de palestras educativas.

Em um dos veículos localizados no estacionamento do Detran, a PC encaminhou cerca de vinte torcedores, acusados de causar tumulto no entorno do estádio.

A ação inédita dos Juizados teve a frente a coordenadora dos Juizados Especiais, auxiliada por um juiz. A ação também foi acompanhada pelo vice-presidente do TJPA, o desembargador Claudio Montalvão.

Programa do Imposto de Renda será liberado nesta segunda-feira

A Receita Federal libera hoje (25) às 8 horas o programa gerador do Imposto de Renda Pessoa Física 2013. Para fazer o download, o contribuinte deve acessar o site da Receita Federal na internet no endereço www.receita.fazenda.gov.br. Os contribuintes que entregarem a declaração no início do prazo, sem erros, e tiverem direito à restituição, terão a chance de receber o dinheiro nos primeiros lotes.

O mesmo ocorre com as pessoas com idade superior a 60 anos, que terão prioridade em receber a restituição, em observância ao Estatuto do Idoso. O prazo para entrega vai de 1º de março a 30 de abril. A declaração poderá ser entregue pela internet ou em disquete nas agências da Caixa Econômica Federal ou do Banco do Brasil.

"Argo", de Ben Affleck, conquista o Oscar de melhor filme

A primeira-dama dos Estados Unidos, Michelle Obama, anuncia o prêmio de melhor filme
A 85ª edição do Oscar, que aconteceu na noite de domingo (24), em Los Angeles, nos Estados Unidos, não surpreendeu tanto quanto aos vencedores. Exemplo disso foi “Argo”, protagonizado e dirigido por Ben Affleck - que deixou o também favorito "Os Miseráveis" de lado. O longa venceu na categoria de Melhor Filme durante a cerimônia.
Com "Lincoln", Daniel Day-Lewis ganhou o Oscar de melhor ator pela terceira vez na carreira
Porém, o destaque não ficou por conta do eleito o “mais mais” do cinema em 2013. “As Aventuras de Pi” agradou a Academia, garantiu quatro estatuetas e foi o maior vencedor da premiação: Melhor Diretor, para Ang Lee, Fotografia, Efeitos Visuais e Trilha Sonora Original.
Jennifer Lawrence recebe o Oscar de melhor atriz por "O Lado Bom da Vida" das mãos do ator francês Jean Dujardin,
As categorias mais conhecidas também não surpreenderam. Favorita, Anne Hathaway levou a estatueta do Oscar pela primeira vez para casa como Melhor Atriz Coadjuvante. Seu destaque foi no musical “Os Miseráveis”. Jennifer Lawrence, a queridinha do momento das telonas, também levou o prêmio, de Melhor Atriz por “O Lado Bom da Vida”.

Já no lado masculino, as evidências vão para Christoph Waltz, que brilhou no elogiado “Django Livre”. Aliás, foi pelo longa-metragem que Quentin Tarantino também levou a estatueta pelo Melhor Roteiro Original. Também já previsto, Daniel Day-Lewis garantiu seu terceiro Oscar, por “Lincoln”.

Adele Adkins brilhou de todos os jeitos. Além da apresentação aclamada no palco da cerimônia, a cantora até levou Oscar - por "Skyfall", trilha de "007 - Operação Skyfall".
Adele Adkins e o compositor Paul Epworth recebem o prêmio de canção por "007 - Operação Skyfall"
Steven Spielberg, diretor do filme, saiu frustrado da premiação. Não só por não ter levado a estatueta em sua categoria, mas por ver “Lincoln” perder em 10 categorias.
Confira as premiações:
Filme: "Argo"
Ator: Daniel Day-Lewis ("Lincoln")
Atriz: Jennifer Lawrence ("O Lado Bom da Vida")
Diretor: Ang Lee ("As Aventuras de Pi")
Ator coadjuvante: Christoph Waltz ("Django Livre")
Atriz coadjuvante: Anne Hathaway ("Os Miseráveis")
Roteiro original: Quentin Tarantino ("Django Livre")
Roteiro adaptado: Chris Terrio ("Argo")
Filme estrangeiro: "Amor" (Áustria)
Animação: "Valente"
Curta-metragem de animação: "Paperman"
Edição: "Argo"
Fotografia: "As Aventuras de Pi"
Efeitos visuais: "As Aventuras de Pi"
Figurino: "Anna Karenina"
Maquiagem e cabelo: "Os Miseráveis"
Canção original: "Skyfall", de "007 - Operação Skyfall" – Adele (música e letra)
Trilha sonora original: Mychael Danna ("As aventuras de Pi")
Mixagem de som: "Os Miseráveis"
Edição de som: "007 – Operação Skyfall" e "A Hora Mais Escura"
Design de produção: "Lincoln"
Melhor curta-metragem: "Curfew"
Documentário em longa-metragem: "Searching for Sugar Man"
Documentário em curta-metragem: "Inocente"

Veja os looks das estrelas de Hollywood no Oscar

Clique na manchete abaixo:

domingo, 24 de fevereiro de 2013

Trabalhadores domésticos terão os mesmos direitos dos demais assalariados

O governo já se prepara para estender aos trabalhadores domésticos, ainda no primeiro semestre, os mesmos direitos dos demais assalariados. A equipe econômica só espera o Congresso concluir a votação da emenda constitucional que garante esses direitos. O Ministério do Trabalho discute como fará a fiscalização e, assim que a lei for aprovada, vai lançar uma cartilha para orientar os patrões sobre cálculo das horas extras, do adicional noturno e do FGTS, que passará a ser obrigatório. Os benefícios terão impacto considerável no bolso dos empregados. E dos empregadores. Uma simulação feita com base no piso salarial pago no Rio indica um aumento de 41% na despesa mensal com o trabalhador doméstico.

Já a Previdência vai baixar uma norma para informar que os empregadores devem pagar salário-família e depois descontar o valor na contribuição para o INSS. Estão em discussão no ministério como ficará o seguro-desemprego, que já vale para domésticos que recolhem FGTS e o abono (PIS), que vai precisar de uma lei específica. O salário-família é pago todo mês e corresponde atualmente a R$ 33,16 por filhos até 14 anos de idade para quem ganha até R$ 646,55; acima disto até R$ 971,78, o valor é de R$ 23,36. Esses gastos poderão ser deduzidos. Já outros benefícios, como recolhimento de 8% sobre o salário bruto para o FGTS, incluindo a multa de 40% nas demissões sem justa causa; hora extra (que custa 50% sobre a hora normal) e adicional noturno (de 20%) sairão do bolso dos empregadores. Segundo interlocutores, pesou na decisão do governo de apoiar a mudança o baixo impacto das medidas no orçamento da União.

Assim que a lei for sancionada, os benefícios serão automáticos e os patrões devem arcar com aumento de custo de quase 40% ao demitir um empregado doméstico após um ano de casa, segundo simulação da auditora fiscal do ministério Tânia Mara Costa. A estimativa considera uma empregada doméstica do Rio, onde o piso salarial para a categoria está em R$ 729,58 (R$ 730), que tem carteira assinada e trabalha dez horas por dia. O valor da rescisão seria de R$ 2.433 (somando aviso prévio, férias vencidas, um terço de férias e 13º salário). Com as novas regras, o empregador teria de desembolsar R$ 3.388 na rescisão, incluindo horas extras, FGTS e multa de 40%. Isso porque a jornada diária passaria a ser de 8 horas (44 semanais e 220 mensais). O que ultrapassa é hora extra, com acréscimo de 50% sobre o valor da hora normal. Se ela é demandada entre 22h e 5h, há adicional de 20%, além dos 50%.

Em último Angelus, papa diz que não abandonará a igreja

 O papa Bento 16 realizou neste domingo seu último Angelus, tradicional cerimônia de oração dominical pronunciada a partir da janela de seu apartamento no Palácio Apostólico.

O pontífice, que renunciará ao posto máximo da Igreja Católica no dia 28 de fevereiro, começou sua bênção agradecendo a presença dos milhares de fiéis que lotaram a praça São Pedro, no Vaticano, neste domingo, e suas orações pela igreja.

"O Senhor me chama a subir o monte, para me dedicar ainda mais à oração e à meditação. Mas isso não significa abandonar a Igreja, ao contrário, se Deus me pede isso é para que eu possa continuar a servi-la do mesmo modo dedicado com que o fiz até agora, mas de acordo com a minha idade e as minhas forças", disse Bento 16.

O papa reforçou o valor da oração, "que dá fôlego a nossa vida espiritual" e disse que orar não é "isolar-se do mundo e de seus problemas, mas tomar o caminho da ação".

Cerca de 200 mil pessoas eram esperadas para a cerimônia. Quatro telões foram instalados no local, lotado por peregrinos e turistas.

A segurança do lugar foi reforçada por 2.000 homens, entre agentes de polícia e voluntários. Também foram instalados detectores de metal na praça.

Antes da cerimônia, o papa teve um encontro com o presidente da Itália, Giorgio Napolitano, no qual afirmou que rezaria pelo país. Napolitano, por sua vez, garantiu a Bento 16 que o povo italiano continuará acompanhando o pontífice "com afeto" nos próximos anos.

Última missa - No dia 27, Bento 16 presidirá sua última missa, que será realizada na praça de São Pedro, na qual se despedirá pela ultima vez de seus fiéis. No dia seguinte, sairá em um helicóptero da residência dos papas e deixará de ser pontífice.

Joseph Ratzinger trocará a batina branca por uma vestimenta negra. Na cabeça levará uma simples boina, segundo analistas italianos.

Ratzinger ficará na residência de Castel Gandolfo por pelo menos dois meses, até que sejam concluídas as obras do mosteiro Mater Ecclesiae e também para evitar encontros com os cardeais do conclave, hospedados na vizinha casa de Santa Marta. (Folha de SP)

sábado, 23 de fevereiro de 2013

Ana Júlia enaltece gestão de Abdias no BASA

 Abdias, Ana e Valmir
Em seu blog, a ex-governadora Ana Júlia Carepa escreveu:
Participei ontem da posse do novo presidente do banco da Amazônia, Valmir Rossi. Gaúcho de nascimento, 55 anos de idade e 30 de trabalho no banco do Brasil, Valmir conhece bem a nossa terra. Por 2 anos, foi superintendente do Banco do Brasil no Pará, onde chegamos a trabalhar juntos. “Nossa Senhora de Nazaré me trouxe de volta ao Pará, após dez anos”, disse em seu discurso de posse.

Valmir está substituindo Abdias Júnior, que presidiu o banco por 6 anos. Abdias é um dos grandes apoiadores do desenvolvimento da amazônia e foi um grande parceiro de meu governo. Durante sua gestão, o Basa ampliou e muito as linhas de crédito. "Em 2012 nos quase batemos a casa de 880 milhoes para a agricultura familiar, mais de 1 bilhão para micro e pequena empresa”, disse.

Leitorado: Sobre o RExPA

De Marcelo Froes - bairro da Marambaia - Belém:
"Permitam-me expor estas opiniões:
-ao invés de ´esquemão` policial para o RExPA, o governador Jatene deveria ordenar que as policias civil e militar, utilizassem suas tropas para combater, diariamente, dia e noite, a bandidagem que está causando pavor aos belenenses e aos habitantes de cidades do interior do Estado;
-o Tribunal de Justiça e o MP deveriam, sim, utilizar juizes e promotores para visitar os presidios e julgar sem demora os casos pendentes e não tratar de prisão de membros de torcidas organizadas que recebem gratuitamente ingressos dos dirigentes de Remo e Paysandu para fazerem badernas dentro e fora do Mangueirão.
Outra coisa: sou remista de paixão e quero que o meu clube não seja roubado. Por isso, sugiro que os tais conselheiros e cardeais do Conselho Deliberativo Azulino procurem saber quem é quem no controle, na guarda e principalmente na venda de ingressos para o RExPA. Se deixarem tudo isso na mão do gerente Mario Sergio é querer, como acontece há muitos anos, que grande parte da renda seja desviada.

Clonando Pensamento

"Fechei os olhos e pedi um favor ao vento: Leve tudo que for desnecessário. Ando cansada de bagagens pesadas. Daqui para frente apenas o que couber no bolso e no coração."  (Cora Coralina)

Mundurukus não aceitam construção de hidrelétricas no Rio Tapajós

(Foto: Marcello Casal Jr/ ABr)
Preocupados com o impacto de novas usinas hidrelétricas no Rio Tapajós, na região amazônica, líderes indígenas das comunidades mundurukus do Pará e Mato Grosso disseram a representantes do governo federal que farão de tudo para impedir que os empreendimentos - em fase de estudos - sejam levados adiante.

Os índios prometeram se unir a outros segmentos, como populações ribeirinhas e organizações não governamentais (ONGs), para inviabilizar as obras do chamado Complexo Tapajós.

Lideranças mundurukus dos dois estados passaram a semana em Brasília, onde se reuniram com os ministros da secretaria-geral da Presidência da República, Gilberto Carvalho; da Justiça, José Eduardo Cardozo; e de Minas e Energia, Edison Lobão, além da presidenta da Fundação Nacional do Índio (Funai), Marta Azevedo.

É bom saber...

Café espresso? Café expresso?
Atenção, moçada. O pretinho gostoso não tem nada a ver com a rapidez do expresso. Ele tem a ver com exclusividade. Um café espresso – assim, com s-- quer dizer feito na hora exclusivamente pra você. Vamos combinar? É um luxo só.  (Blog da Dad)

Com aproximação da renúncia do papa, Vatileaks ressurge com 'lobby gay'

 Investigação aponta que cardeal teria relatado a Bento XVI dossiê 'escabroso' sobre uma rede 'transversal unida pela orientação sexual'
A poucos dias da renúncia de Bento XVI, revelações, verdadeiras ou falsas, manipulações ou furos que marcaram em 2012 o escândalo dos vazamentos de documentos secretos, o "Vatileaks", voltaram com um "lobby gay" no Vaticano.
Bento XVI diz ter decidido renunciar ao cargo por conta da idade avançada. No entanto, jornais apontam que decisão pode estar ligada com uma suposta rede de sexo e corrupção entre sacerdotes da igreja católica (Darrin Zammit Lupi/Reuters - 18/4/10)
Bento XVI diz ter decidido renunciar ao cargo por conta da idade avançada. No entanto, jornais apontam que decisão pode estar ligada com uma suposta rede de sexo e corrupção entre sacerdotes da igreja católica
Enquanto o "Vatileaks" havia sido abafado em dezembro com a graça concedida pelo papa a Paolo Gabriele, o ex-mordomo acusado de vazar documentos confidenciais, dois artigos no jornal La Repubblica e na revista Panorama trouxeram o caso de volta às manchetes. De acordo com La Repubblica, a decisão de Bento XVI de renunciar ao trono de Pedro poderia ter sido reforçada pela profunda frustração após tomar conhecimento em outubro de um "lobby gay" no Vaticano revelado pela investigação secreta realizada por uma comissão de três cardeais aposentados.

Segundo o artigo sensacionalista intitulado "Sexo e carreira, as chantagens no Vaticano por trás da renúncia de Bento XVI", o cardeal espanhol da Opus Dei, Julian Herranz, que preside a comissão, teria relatado antes de 9 de outubro ao papa o dossiê "mais escabroso" sobre "uma rede transversal unida pela orientação sexual" e, "pela primeira vez, a palavra homossexualidade foi pronunciada" no apartamento papal.

De acordo com a Panorama, o "lobby gay" do Vaticano "é, de longe, o mais influente e ramificado entre todos os que existem dentro da Cúria Romana". Segundo o La Repubblica, o relatório indica que alguns bispos sofreram "influência externa" (chantagem) de laicos com quem estabelecem laços de "natureza mundana."
 
O Vaticano apontou erros grosseiros neste artigo, afirmando que não deve ser levado a sério. Não haverá "negações, comentários ou confirmações" sobre "especulações, fantasias e opiniões" emitidas pela imprensa neste período, declarou o porta-voz, o padre Federico Lombardi. De acordo com o vaticanista do jornal La Stampa, o papa, antes de sua renúncia, receberá os três cardeais. O conteúdo do relatório secreto, preparado com base em entrevistas realizadas em todos os níveis da Santa Sé, poderá ser discutido na Congregação Geral, uma reunião que prepara o Conclave de Cardeais.
 
Estes três cardeais foram nomeados na última primavera (hemisfério norte) pelo papa Bento XVI, após numerosos vazamentos de documentos confidenciais, mas o relatório deverá permanecer em segredo. Segundo o padre Lombardi, a decisão histórica do papa de renunciar ao seu cargo não foi resultado de qualquer "depressão" ou razões psicológicas, mas sim pelo enfraquecimento de suas forças.

Em outubro passado, dois dias após ter recebido o cardeal Herranz, o papa, em um discurso de tom pessimista na abertura do Ano da Fé, havia mencionado em forma de metáfora "os peixes ruins" que são pescados da Igreja. Segundo os vaticanistas, os documentos vazados no escândalo "Vatileaks" poderiam ser usados por um ou outro para desacreditar um rival na Cúria. Um fenômeno que pode ser repetido com a proximidade do Conclave, a fim de influenciar a escolha do novo papa.

O diretor do canal católico TV2000, Dino Boffo, surpreendido pelos rumores em documentos do "Vatileaks" sobre relacionamentos homossexuais - que ele negou - pediu na quinta-feira à Santa Sé que se liberte do "vício infame das cartas anônimas, sem assinaturas e sem destinatários". Ele desejou que "todos os fiéis contribuam para pôr fim a uma gestão de poder que pode ofender os mais humildes" dos católicos.

O tema da homossexualidade no Vaticano não é novo nos meios de comunicação italianos. Tem sido tema de romances e best-sellers quentes, às vezes, exagerados. É um fato conhecido dos vaticanistas que os religiosos e sacerdotes que trabalham no Vaticano têm relações homossexuais fora do pequeno Estado: uma rede de religiosos, padres e até bispos homossexuais pode existir, mantendo silêncio. Este grupo poderia ter sido sujeito a chantagem de jornalistas inescrupulosos que procuram no "Vatileaks" obter documentos secretos. (Correio Braziliense)