Fale com este blog

E-mail: ercio.remista@hotmail.com
Celular: (91) 8136-7941
Para ler postagens mais antigas, escolha e clique em um dos marcadores relacionados ao lado direito desta página. Exemplo: clique em Santarém e aparecerão todas as postagens referentes à terra querida. Para fazer comentários, eis o modo mais fácil: no rodapé da postagem clique em "comentários". Na caixinha "Comentar como" escolha uma das opções. Escreva o seu comentário e clique em "Postar comentário".

segunda-feira, 31 de março de 2014

Leitorado: Eleições na CASF

De Anônimo:
"Escondidinho na págima 10 do caderno Poder do jornal O Liberal, edição de hoje (31 de março), em letrinhas microscópicas, saiu o Edital de Convocação para a Assembléia Geral Ordinária que vai eleger a nova Diretoria e Conselho Deliberativo da Caixa de Assistência dos Funcionários do Banco da Amazônia - CASF. Acontecerá no dia 16 de maio, bem depois do prazo determinado no Estatuto da instituição. Os interessados em inscrever chapa - que deverão ser mais de 10 ou 15, só terão até a próxima sexta-feira, dia 04, para fazê-lo. Somente minguados 4 dias e aqueles que não tiverem uma boa lente de gráu para ler o edital acabarão sobrando." 

Deste blog:
No Edital acima referido, consta que "o regulamento do processo eleitoral, aprovado pelo Conselho Deliberativo, encontra-se à disposição dos interessados na sede da CASF e no site da instituição (www.casf.com.br)". Consultamos há poucos instantes este site e não encontramos a tal informação. É muito mistério, com cheiro de trapaça, de enganação, de desrespeito aos associados da entidade, entre os quais o poster está incluído desde a sua fundação. E não pretende ser candidato, mas espera que sejam respeitadas integralmente as regras do processo eleitoral, sem favorecimentos a quem quer que seja.

E mais: este blog, a partir de hoje fica à disposição dos candidatos de todas as chapas que forem registradas, para divulgação de suas fotos, de suas propostas, enfim, de tudo aquilo que for permitido no regulamento da eleição. Utilizem o nosso e-mail: ercio.remista@hotmail.com

Manifestão festiva dos 50 anos do golpe reúne 150 pessoas


São Paulo - Com bolo e “Parabéns a você”, cerca de 150 pessoas festejaram ontem (30), na avenida Paulista, os 50 anos do golpe militar. Chamada de segundo ato da “Marcha da Família”, a manifestação reuniu grupos conservadores que se organizam geralmente pelas redes sociais. Os manifestantes se revezavam ao microfone com declarações de apoio a uma intervenção militar e de crítica pesada ao PT e à presidente Dilma Rousseff, que, segundo eles, teriam implantado o comunismo no Brasil.
Pessoas que passavam pela avenida paravam por poucos minutos para assistir ao protesto, que ocorreu debaixo de chuva, e seguiam seus caminhos. Em carros, alguns motoristas e passageiros chegaram a vaiar os manifestantes. Portando cartazes, participantes pediam que os motoristas buzinassem caso quisessem o fim do governo ou a até a prisão da presidente. Poucos automóveis aderiam. Os motoristas que vaiavam eram logo repreendidos com afirmações como “Vão morar em Cuba!”.

A manifestação usou como apoio um ônibus pintado de preto, em estilo “caveirão”, marcado por cartazes que criticavam o governo e elogiavam os militares de 1964. O veículo teria sido emprestado por um empresário, segundo os organizadores. Uma faixa no ônibus dizia: “Lula, o câncer do Brasil”. Além do comunismo, de Lula e da presidente, outro alvo foi o senador Eduardo Suplicy (PT-SP), criticado por ter ido até a marcha antifascista, no dia 22 de março, mesma data da marcha da família.

Um dos organizadores do protesto, Marcello Reis, do grupo Revoltados Online, afirmou que a marcha é uma resposta à Comissão da Verdade. - Que é uma comissão da mentira porque só investiga um lado disse Reis, que falou sobre a recente confissão do coronel reformado Paulo Malhães, que admitiu tortura, assassinato e desaparecimento de corpos durante o regime militar: Em todas as instituições existem pessoas ruins. Não pode é denegrir os militares. Agora, precisa saber: ele fez por conta própria ou recebeu ordens? A mesma coisa aconteceu com as vítimas militares que foram mortas pela esquerda.

“Eu sou a do vídeo do Leblon”, apresentou-se Marta Serrat, com roupa militarizada."A maioria quer a extinção dessa ditadura que está aí, diz ela, que defende a intervenção militar, com a extinção dos partidos, confisco de bens dos políticos e a montagem de cinco partidos: “dois de direita, dois de esquerda e um de centro”.  (O Globo)

Para debelar crise e diminuir desgaste, Dilma recorre a Lula

A atual crise na Petrobras opõe, de forma direta, os governos Dilma e Lula. Ao tentar se livrar do desgaste de ter aprovado a compra da refinaria de Pasadena pela Petrobras, quando era ministra da Casa Civil e presidia o conselho de administração da estatal, a presidente Dilma Rousseff acabou levantando suspeitas sobre a gestão de José Sergio Gabrielli, indicado para a presidência da empresa por Lula. Ao ser eleita, Dilma indicou para o cargo a atual presidente Graça Foster.

Ainda assim, a presidente se vê diante de uma situação inusitada: para enfrentar a crise provocada pelas denúncias contra a empresa, a presidente leva em conta os conselhos das pessoas de seu entorno, principalmente do ex-presidente Lula. A queda de sete pontos percentuais na popularidade do governo, de acordo com pesquisa CNI/Ibope divulgada na última quinta-feira, também fez com que a equipe do Planalto entrasse em alerta e buscasse no ex-presidente combustível para lidar com o momento político.

Lula acaba então fazendo o papel de bombeiro, trabalhando para tentar melhorar o ambiente, tanto com empresários quanto no próprio PT. Antes mesmo de estourar a crise que envolve os diretores da Petrobras durante o governo Lula, o ex-presidente dava mostras de impaciência e vinha criticando reiteradamente o estilo de Dilma. O ex-presidente costumar dizer que ela tem que conversar mais, mediar, fazer mais política, ouvir. Para o petista, ela conversou pouco com o setor produtivo - que tem reclamado muito do governo - e os com movimentos sociais. (O Globo)

Vale a pena ler: SE ME APOSENTAR, MORRO!

Por Tais Luso de Carvalho, em seu blog

Dias atrás, uma vizinha soltou esta: 'se eu me aposentar, morro!' - Mas que coisa mais louca, vizinha! Aposentadoria não é uma sentença de morte. Pode ser o início de uma nova etapa; pode ser produtiva e muito feliz. Acomodar-se é que poderá ser uma preocupação: pegar amor às pantufas!

Enquanto alguns ficam felizes com a chegada da sua aposentadoria, outros entram em conflito: e agora... o que vou fazer? O ser humano é muito complicado: quando está trabalhando, diz estar se matando, que não vê a hora de aposentar-se; quando se aposenta reclama do que fazer. Aí entra em depressão e a coisa fica complicada. Pô, companheiro, assim fica difícil!

Presumo que para alguns esta seja uma etapa problemática: é o fim de um período que foi muito produtivo, que se iniciou quando o indivíduo era jovem, saudável e idealista, significa dependurar as chuteiras, tornar-se inútil. E junto vem uma melancolia e uma inquietação.

Vejo muitas pessoas caminharem pelas calçadas, com o passo já travado, sem sonhos e sem perspectivas. A vida do aposentado torna-se triste quando o indivíduo fez do trabalho o centro de sua vida. Acabou uma etapa? Bola pra frente: existem mil atividades. Uma delas é manter-se saudável. Esquecer da palavra Idoso, Melhor idade, Terceira idade, Feliz Idade, essas bobajadas. Esses rótulos não servem pra nada.

Está na hora de esquecer destas palavrinhas pejorativas e enganosas, na tentativa de se acreditar numa eterna jovialidade. Quanta futilidade; parece que a criatura está aos frangalhos e ganha uma medalha de consolação: feliz idade!! Ora, e há uma idade para sermos felizes? Então o por que esse rótulo?

Já viramos o século e a mentalidade continua a mesma. O mundo está cheio de aposentados que estão ótimos, a não ser que o cara esteja chegando de uma guerra, todo estropiado e já pedindo água pelo caminho. Mas hoje com essa turma em academias, namorando, estudando, produzindo ou investindo no seu bem-estar? Como diz a garotada, o tio aí tá inteiro!

É difícil saber a idade que determina quando alguém se torna velho: depende de sua genética. Os radicais livres - que são as toxinas nocivas à nossa saúde é que determinarão o grau e a velocidade do nosso envelhecimento. Somos diferenciados: há pessoas com setenta, oitenta anos que estão muito bem, e outras com cinquenta já estão no freio de mão.

O Brasil não é mais um país de jovens, e graças a Deus. Isso prova que estamos vivendo mais. Milhares de aposentados estão trabalhando em outras empresas justamente pela sua experiência. Experiência não se encontra em jovens; neles encontramos disposição, saúde, sonhos, vontade de aprender e abraçar o mundo, o que é muito positivo. É bom poder ver pessoas de todas as idades trabalhando lado a lado. E estamos começando a ver isso aqui no Brasil; está faltando mão de obra especializada.

Está mais do que na hora do país adequar-se aos novos tempos. Ninguém tem o direito de tornar alguém incapaz, enquadrando-o num estado de ócio e de improdutivo porque seus cabelos estão mais brancos, sua pele não é aveludada e seus movimentos estão mais lerdos.
A vida tem etapas: a felicidade não está em números. Está na qualidade de vida.

No blog do Claudio Humberto

Lobby veda mini-produção e venda de energia
Se a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) e o governo não fossem tão suscetíveis à influência de geradoras e distribuidoras, o Brasil poderia fazer uma revolução na área de energia. Era só permitir, como na Alemanha, que cidadãos comuns e até empresas vendessem energia excedente que produzissem (eólica, solar etc). Hoje, resolução nº 482 da Aneel proíbe isso. Admite só “desconto” na conta mensal. + Na Europa, as famílias são estimuladas a produzir a energia que consomem e vender o excedente, garantindo-lhes renda extra. + No Brasil, produtores rurais poderiam ser estimulados a produzir e vender energia. Mas o lobby de geradores e distribuidores não deixa. + O estímulo à instalação de painéis de energia solar em unidades do “Minha Casa, Minha Vida” garantiria renda para pagar as prestações.
Repulsa recorde
O jovem governador do Amapá, Camilo Capiberibe (PSB), não será exatamente um cabo eleitoral dos sonhos para o presidenciável Eduardo Campos: seus índices de rejeição superam os 80%.
O piloto sumiu
O governo da Malásia informa: fotos de satélite mostram dezenas de objetos boiando que podem ser destroços da Petrobras.


Compartilhar

Clonando Pensamento: Bolsa Família

"O Bolsa Família é uma conquista importante da democracia. Foi uma evolução de programas criados por Fernando Henrique Cardoso, que Lula melhorou. No tempo do (ex-presidente) Fernando Henrique tinha Bolsa Gás, Bolsa Escola, e Lula ajudou a ampliar, assim como uma casa, que você reforça o alicerce, aumenta o telhado, e faz um imóvel ainda maior."
(Eduardo Campos, governador de Pernambuco e Pré-candidato do PSB à sucessão presidencial, defendendo a universalização do Bolsa Família)

Ministério da Saúde assegura que vacina contra HPV não traz riscos

Após seis ocorrências de reações à vacina contra o HPV, o Ministério da Saúde enfatiza para a população de que a imunização é segura. “É uma vacina que tem quase dez anos de uso no mundo inteiro. É uma vacina nova aqui no Brasil, mas há 50 países no mundo que utilizam, quase 175 milhões de doses da vacina aplicadas”, disse o secretário de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde, Jarbas Barbosa. A vacinação segue normalmente em todo o país.

Segundo Barbosa, é comum os jovens terem medo de vacina, e por isso pode ter casos de tontura, e em raras vezes desmaio, mas isso acontece “com qualquer injeção”. “Por isso que o Ministério da Saúde recomenda que a menina seja vacinada sentada e que ela não faça esforços físicos logo após tomar a vacina”, ressaltou. Casos de vermelhidão e pequeno inchaço na região onde foi aplicada a vacina são comuns, por isso não devem ser motivo de preocupação.

Atenção, concurseiro! Confira a lista completa de concursos com inscrições abertas esta semana

O Pará na Feira da Torre oferece variedade de pratos típicos

 Luiz Graciano, da barraca Belém do Pará, traz para Brasília pratos do Norte do país  (Paula Rafiza/Esp. CB/D.A Press)
Luiz Graciano, da barraca Belém do Pará
O brasiliense tem uma relação antiga com a Feira da Torre, um dos polos gastronômicos mais conhecidos da capital federal. A praça de alimentação conta com 41 boxes espalhados por duas alas. Grande parte dos estabelecimentos oferece comida caseira ou regional.

Na barraca Belém do Pará, de Sérgio Souza, o tacacá é o prato mais lembrado. A R$ 23 com goma e R$ 25 sem, a iguaria leva camarão fresco e folhas de jambu em um caldo de mandioca. 

Componente básico da cozinha amazônica, a farinha de mandioca pode ser apreciada como acompanhamento do açaí (R$ 15 com 300g e R$ 18 com 500g). O gerente Luiz Graciano de Souza ressalta que o açaí servido  é  “sem xarope de guaraná ou leite condensado”.

Para garantir a autenticidade dos sabores, Sérgio viaja periodicamente ao Pará em busca de matéria-prima para as receitas. (Correio Braziliense)

Príncipe George aparece em foto no dia das mães no Reino Unido


Londres - A imprensa britânica teve direito a uma foto do príncipe George para as edições de ontem (30), quando se comemora o dia das mães no Reino Unido. Esta é a terceira vez que uma foto oficial do bebê é divulgada desde seu nascimento, em 22 de julho de 2013.

Aos oito meses, o príncipe aparece ao lado dos pais, William e Kate, assim como do cachorro Lupo, na janela da residência de Kensington Palace, onde mora a família.

Primeira mulher a comandar a prefeitura de Paris

Filha de imigrantes espanhóis, feminista e discreta apparatchik do Partido Socialista (PS) francês, Anne Hidalgo será, aos 54 anos, a primeira mulher a comandar a prefeitura de Paris.
Naturalizada francesa aos 14 anos, Hidalgo morou em Lyon antes de mudar-se, em 1984, para Paris (Philippe Wojazer/Reuters)
Anne obteve 54,5% dos votos no segundo turno das eleições municipais, desbancando sua rival, a candidata pelo partido de direita UMP Nathalie Kosciusko-Morizet, que teve 45,5% das intenções.

Morena de sorriso largo, quase sempre vista com um lenço cor-de-rosa, Anne Hidalgo terá o desafio de dirigir uma cidade de 2,2 milhões de habitantes, centro de todos os poderes da França e principal ponto turístico do mundo.

Hidalgo vai entrar para o grupo, ainda muito restrito, de mulheres à frente das grandes cidades mundiais. Ela vai se unir, por exemplo, à Ana Botella, prefeita de Madri, e Carolina Toha, prefeita de Santiago.

STF deve firmar jurisprudência sobre a bigamia no Brasil

As juras de amor exclusivo não resistiram ao tempo. Ao longo do casamento com Romilda Ribeiro de Amorim, Walter Coutinho de Amorim manteve, por 20 anos, uma relação paralela com Shirley da Penha, com direito a convivência pública e até a uma filha. O ato de infidelidade pôs as duas moradoras de Vitória em choque depois da morte de Sebastião, em 2004.

Em 2006, elas iniciaram uma batalha judicial pelo direito de receber a pensão do falecido. A última decisão determinou o rateio do benefício entre esposa e companheira. Mas o Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS), que faz o pagamento, apelou ao Supremo Tribunal Federal (STF), alegando ser impossível reconhecer a união estável de Walter com Shirley, já que ele viveu ao lado de Romilda, com quem era casado, até o fim da vida.

Do triângulo amoroso capixaba sairá uma decisão definitiva para processos semelhantes no país, pois o STF declarou repercussão geral para o caso, cujo relator é o ministro Luiz Fux. Mais do que dar um fim ao drama vivido pelas duas mulheres, o posicionamento da mais alta Corte colocará em xeque o princípio constitucional da monogamia no Brasil. 

Se o STF considerar como regra o rateio da pensão entre viúva e companheira, revolucionará a jurisprudência já produzida, admitindo relacionamentos simultâneos. Embora controverso, tanto no Judiciário quanto na própria sociedade, o tema é cada vez mais recorrente nos tribunais, o que levou o Supremo a decidir pacificar, de uma vez por todas, o entendimento sobre o assunto por meio do recurso movido pelo INSS, ainda sem data para ir a julgamento.

Madonna manda recado para os "recalcados" através do Instagram

A foto da estrela rendeu cerca de 50 mil curtidas em apenas três horas (Reprodução/Instagram/@madonna)
Não são só as funkeiras brasileiras que postam recadinhos nas redes sociais e mandam indiretas para as "inimigas". A cantora Madonna postou ontem (30), através do Instagram, uma foto com um enorme sorriso, de tiara e meia calça arrastão, mandando uma direta mensagem para os "invejosos".

“Rindo de todos os inimigos, que gastam a sua energia tentando limitar e rotular-me com seus preconceitos e medos! Transforme sua língua e olhos maldosos em pássaros que voam! Não perca seu tempo precioso. Gaste-o em coisas que você ama!"

Começa hoje a Semana do Microempreendedor


Amazônia Jornal
Começa hoje (31) a 6ª Semana do Microempreendedor Individual (MEI), na sede do Sebrae em Belém e nos escritórios regionais da instituição. A programação, que se encerra no próximo sábado, é destinada principalmente a empreendedores individuais; pessoa física com ou sem atividade econômica e com perfil potencial para formalização como MEI; e beneficiários do programa Bolsa Família que estão desenvolvendo atividade econômica formalizada ou não.

O evento tem como principal objetivo a capacitação de microempreendedores já formalizados e a formalização de microempreendedores individuais, mas também busca incentivar a formalização de novos empreendedores.

Haverá um grande mutirão para tirar da informalidade os empreendedores paraenses. "A ideia é fazer da semana um instrumento que favoreça a transformação da realidade desse segmento socioeconômico, ajudando a instalar um ambiente favorável à formalização e ao fortalecimento sustentável dos estimados 836 mil empreendimentos informais existentes no Estado", declarou o gerente da Unidade de Atendimento Individual do Sebrae no Pará, Marcus Tadeu Alves.

De acordo com informações da instituição, no Pará existem 82 mil empreendedores individuais que começaram a ser formalizados em fevereiro de 2010.

O Sebrae espera atender 28.948 MEI neste ano, sendo que somente durante a 6ª Semana do MEI a intenção é bater 10% dessa meta, alcançando algo em torno de 2.900 atendimentos. Para isso, serão oferecidos dois tipos de serviços: "Quero me formalizar" (para aqueles que já possuem um negócio e querem regularizar o mesmo, ou iniciar um negócio dentro da formalidade) e "Já sou formalizado" (para o MEI que precisa de orientação relacionada à gestão do negócio).

A programação será realizada na sede do Sebrae em Belém e nos 10 Escritórios Regionais do Sebrae, onde também serão prestados serviços aos MEI que desejam soluções específicas de orientação e oficinas de capacitação sobre Gestão de Negócios, além da formalização. No caso da capital do Estado, os atendimentos vão ser feitos na própria sede da instituição, ao contrário dos outros anos. Mais informações: 0800 570 0800 e www.pa.sebrae.com.br.

domingo, 30 de março de 2014

Tristeza: Morre Rogério Campos Correa



Há poucos instantes tomei conhecimento do falecimento do ilustre e benquisto santareno, Rogério Campos Correa, ocorrido hoje (30) aqui em Belém, onde foi sepultado. Perdi um grande amigo. Aos seus familiares, as minhas condolências.

Leitorado

De Nelson G. P - bairro Pedreira/Belém:
Sobre a postagem PT aprova aliança com PMDB
"É impressionante este cinismo, esta falta de vergonha na cara dos petistas. O Jader sacaneou a Ana Júlia, juntou-se ao Jatene e contribuiu para a sua vitória. Agora, os petistas dizem: Jader, eu te amo, minha paixão! Presumo que para a campanha do Helder e Paulo Rocha faltará dinheiro para cobertura das despesas. Explico: o Jader jamais tirou um vintém da sua fortuna para gastar em campanha eleitoral nem para ele e muito menos para os seus aliados. O Paulo Rocha escapou por um triz de não ser preso no caso dos ´Mensaleiros`, acusado de comandar caixa 2 na campanha de Ana Júlia para o governo do Pará. Agora, não vai querer enfrentar outra bronca, porque, quem tem, tem medo..."

De Sérgio Vitor Oliveira - Belém
Sobre a postagem Organizadas do Remo farão protesto neste domingo
É preciso incluir também neste protesto um "Fora Cacheado", aquele repórter setorista de uma emissora de rádio de Belém, que enaltece o desempenho de comissão técnica, atletas pernas-de-pau e dirigentes do Remo. Muitos o acusam de receber uma ´pontinha` por este trabalho de transmitir mentiras aos torcedores do Leão. Outra coisa: o presidente Zeca Pirão e seus companheiros de diretoria terceirizaram/arrendaram o uso do Estádio Antônio Baena, da Arena Society e do Ginásio Serra Freire por preços de banana. Mas, há quem diga que ´por fora` alguém está sendo beneficiado. Quem será o felizardo?

Outro segredo revelado de Michael Jackson

O rei do pop era também um inventor de mão cheia
Quem vê a performance de Michael Jackson no clipe de “Smooth Criminal” certamente se pergunta como é que ele conseguia fazer o passo moonwalk. A ajudinha dele? Além de excelente dançarino, Michael era um inventor gabaritado e desenvolveu, com dois designers americanos, o sapato “anti-gravidade” para realizar a mesma coreografia do vídeo em seus shows ao vivo.

A execução do moonwalk, que é a assinatura de Michael, foi possível graças a uma patente registrada por ele de um sapato que permite se inclinar além do seu centro de gravidade. O segredo está no calcanhar, que é seguro por várias faixas, e o salto é o pulo do gato: tem mecanismo que pode ser acionado pelos dançarinos, que trava os pés em uma pequena plataforma embaixo do palco.

Os registros das patentes, que contêm a assinatura de Michael, estão numa exposição organizada no Arquivo Nacional, em Washington, chamada “Making Their Mark: Stories Through Signatures”. Ah, e mostra outras assinaturas icônicas de personagens como George Washington e Thomas Jefferson. Aproveitando a deixa: veja o video acima e relembre o astro e sua marca registrada.

Neymar e Daniel Alves sofrem racismo em jogo na Espanha

Torcedores do clube Espanyol imitaram macacos e jogaram uma casca de banana no campo na tentativa de ofender os jogadores brasileiros Neymar e Daniel Alves, que jogaram pelo Barcelona na rodada de ontem (29) do Campeonato Espanhol. Protestaram principalmente contra Neymar, acusando o brasileiro de tocar a bola com a mão no lance que deu origem ao gol de Messi e que resultou na vitória do Barcelona por 1 x 0.

Veja cobra de Dilma uma carta ao povo brasileiro

A edição da revista Veja deste fim de semana, mais uma vez, ironiza a presidente Dilma Rousseff. Na capa, como numa gangorra, enquanto ela desce, as ações das estatais, especialmente da Petrobras, disparam. Segundo a revista, Dílma é o símbolo da desconfiança, enquanto os opositores Aécio Neves e Eduardo Campos representam a esperança.

Na reportagem "A Petrobras desceu a rampa", de Robson Bonin e Malu Gaspar, a revista afirma que a empresa "se tornou símbolo da má gestão da presidente". No texto, a torcida pela oposição. "Aécio Neves nunca teve tanta visibilidade eleitoral como agora, momento em que articula a CPI da Petrobras. O rebaixamento da nota de crédito do Brasil e os descalabros da Petrobras animaram Eduardo Campos", diz ele. Eduardo teria dito até que vai ganhar as eleições – "e se Dilma continuar ajudando, no primeiro turno".

No editorial de Eurípedes Alcântara, Veja chega ao disparate de cobrar da presidente Dilma Rousseff, que governa um país em pleno emprego e com mais de US$ 350 bilhões em reservas, uma nova Carta ao Povo Brasileiro, como o ex-presidente Lula fez em 2002. "A hostilidade ao mercado inibe investimentos, empobrece o país e diminui a oferta de empregos de qualidade", diz o editorialista, que parece desconhecer que a taxa de desemprego de fevereiro passado, de 5,1%, foi a menor da história.

"Em se mantendo esse humor, não é improvável que Dilma se veja na contingência de divulgar sua Carta ao Povo Brasileiro. Desta vez, não com o objetivo de reafirmar a continuidade, mas para se comprometer com a mudança radical de rumo na sua política econômica", diz a revista.

Nesta semana que passou, Guido Mantega se tornou o mais longevo ministro da Fazenda da história democrática do País. Ao que tudo indica, ainda vai longe.  (Brasil 247)

Aécio e Campos coordenam 15 dias de ataques a Dilma

Os presidenciáveis Aécio Neves (PSDB) e Eduardo Campos (PSB) vão utilizar o caso envolvendo a compra da refinaria de Pasadena pela Petrobras na propaganda partidária no rádio e na TV para desgastar a presidente Dilma Rousseff. As peças começam a ser veiculadas neste sábado (29) e ficam no ar por 15 dias consecutivos devido a um acordo que envolveu troca de datas de veiculação com o PSC e com o DEM.

Segundo reportagem do jornal Folha de S. Paulo (aqui), a ideia do tucano e do socialista é fazer chegar o caso ao grande público e tentar colar as suspeitas na presidente, além de vender a ideia de que há um descontrole geral no governo federal, descontruindo a imagem de boa gestora de Dilma.

As propagandas do PSB terminam no dia 5 de abril. No dia 8 do mesmo mês, começam as do PSDB,que acabou convencendo o PSC a trocar o espaço para garantir a exposição conjunta ao partido de Campos.

No dia 17 de abril, para coroar a sessão de tortura, entra no ar o programa nacional do PSDB. A data também foi cedida pelo aliado DEM para garantir duas semanas de espaço aos oposicionistas. O espaço nas propagandas faz parte de uma ação coordenada que instou a oposição a acelerar o pedido de criação da CPI no Senado.

A oposição concentra todos seus esforços para promover um arrastão anti-Dilma se apoiando nas denúncias relacionadas à estatal.

Já o Planato tenta, até a semana que vem, convencer aliados a retirarem assinaturas de apoio à CPI.  (Brasil 247)

Caso Pasadena: Petrobras demite engenheiro

A Petrobras demitiu o engenheiro José Orlando Azevedo, ex-presidente da Petrobras America entre 2008 e 2012, período em que a compra da refinaria de Pasadena, nos Estados Unidos, foi questionada judicialmente pela estatal. A refinaria era controlada pela subsidiária. Azevedo é primo do ex-presidente da Petrobras, José Sérgio Gabrielli, e ocupava atualmente o cargo de diretor comercial da Transportadora Associada de Gás (TAG).
 
Azevedo estava à frente da subsidária durante o processo que resultou no pagamento de US$ 820 milhões pela Petrobras para aquisição da refinaria de Pasadena. Funcionário de carreira, ele foi indicado ao cargo pelo primo, mas foi substituído em 2012, logo após a posse da atual presidente da estatal, Graça Foster. Desde então, ele ocupava a diretoria da subsidiária de gás. A demissão foi definida na última quinta-feira, em reunião da diretoria da empresa, e revelada pelo jornal O Globo deste sábado.

Em nota, a Petrobras confirmou a demissão, considerada "rotineira". "A substituição do Sr. José Orlando Azevedo foi uma mudança de caráter gerencial rotineira. Junto com essa substituição, na mesma pauta, foram aprovadas mais oito alterações e reconduções", diz o comunicado.

Esta é a segunda demissão na diretoria das subsidiárias da Petrobras em duas semanas. No dia 21 de março, Nestor Cerveró, diretor da área internacional da estatal na época da compra da refinaria de Pasadena, também foi exonerado do cargo de diretor financeiro da BR Distribuidora, que ocupava desde 2012. Ele também havia sido afastado da área internacional da Petrobras pela por Graça Foster em 2012.

Cerveró é apontado como articulador da aquisição da refinaria de Pasadena e autor do "resumo executivo" apresentado ao Conselho de Administração da Petrobras, em 2006, para embasar a avaliação da compra. A presidente Dilma Rousseff classificou o relatório como "falho" e "incompleto" ao justificar o seu aval à compra da refinaria que custou, ao todo, US$ 1,2 bilhão à estatal.

A compra da refinaria está sendo investigada pela Polícia Federal, Ministério Público Federal, pelo Tribunal de Contas da União há pelo menos um ano. A Petrobras, entretanto, só abriu auditoria interna para apurar as denúncias na última segunda-feira, dois anos após as primeiras denúncias de irregularidades no negócio. Outro articulador da aquisição, o ex-diretor de Refino e Abastecimento da Petrobras, Paulo Roberto Costa, está preso desde o dia 20 de março. Ele foi citado nas investigações da operação Lava Jato, da Polícia Federal, suspeito de receber propina em um esquema que desviou R$ 10 bilhões.

Dilma: faremos mais concessões em 2014

A presidente Dilma Rousseff avaliou positivamente o resultado dos leilões feitos no Brasil no ano passado. "Tivemos resultado expressivo nos 18 leilões de 2013 nas áreas de concessão de energia, rodovia, portos, aeroportos, energia, petróleo e gás", disse, acrescentando o total de investimentos previstos nos próximos anos, de R$ 80 bilhões. A declaração foi dada ontem (29) na 55ª Assembleia do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), que acontece na Costa do Sauípe (BA).

Segundo ela, investir em infraestrutura é uma das condições para crescer com produtividade, e em 2014 o Brasil fará mais concessões, "ampliando a parceria e parcela de investimento do setor privado em infraestrutura logística, energia e infraestrutura urbana."

Lei legaliza o casamento gay na Inglaterra e em Gales

Uma lei histórica que legaliza o casamento entre pessoas do mesmo sexo entrou em vigor, ontem (29), na Inglaterra e em Gales, a última etapa na longa luta pela igualdade jurídica para gays e lésbicas nesses dois países britânicos.

Vários casais faziam cerimônias, já na sexta à noite, para estarem entre os primeiros a dizer o tão esperado "sim", logo após a entrada em vigor da lei.
 (ANDREW COWIE/AFP)
O primeiro-ministro David Cameron ressaltou que se trata de um "momento importante para nosso país. Dito de outro modo, na Grã-Bretanha, já não importará se você é hétero, ou homossexual, o Estado reconhecerá sua relação como igual", afirmou Cameron, em um comunicado.

O vice-primeiro-ministro britânico, Nick Clegg, também comemorou. "Finalmente, depois de anos de campanha, qualquer casal que quiser se casar poderá se casar", declarou.

"Juntos, fizemos do nosso país um lugar no qual podemos celebrar o amor por igual, seja gay, ou heterossexual", acrescentou.

Planalto retalia os aliados que apoiaram a CPI

No blog do Claudio Humberto:
A pesquisa CNI/Ibope, mostrando queda brusca de 7 pontos na avaliação da presidenta Dilma, deixou o governo paralisado, em estado catatônico, incapaz de impedir a oposição de obter número suficiente de adesões para criar a CPI da Petrobras. Mas não tardou a reação aos que assinaram a CPI. O Palácio do Planalto orientou os ministros a tratar como adversários os “aliados” que apoiaram a comissão. + Quase imune a auditorias do TCU, desde o governo Lula, a Petrobras é usada para negócios que até Deus duvida. Daí o medo da CPI. + A relação de deputados e senadores pró-CPI virou “lista negra”: todos serão tratados a pão e água, como diz Aloizio Mercadante (Casa Civil). + Levantamento da Casa Civil verifica quantos cargos parlamentares pró-CPI da Petrobras têm no governo. Retiram assinatura ou vão perdê-los. + Audiência do senador João Capiberibe (PSB-AP), que apoiou a CPI, foi cancelada quando ele já estava na antessala do ministro de Cidades.

Pesquisa sobre estupro: Internautas protestam indignados

 
Internautas reagiram com indignação após resultado de pesquisa que aponta que maioria culpa comportamento feminino por estupros.
Mulheres de todo o Brasil estão protestando pelo Facebook após o resultado de uma pesquisa divulgada pelo Instituto de Pesquisas Econômicas Aplicadas (Ipea) que apontou que a maioria dos brasileiros acha que “Mulheres que usam roupas que mostram o corpo merecem ser atacadas”. Segundo a pesquisa, 65,1% das pessoas – incluindo homens e mulheres – concordaram com essa informação. Já 58,5% concordam com a afirmação “Se mulheres soubessem como se comportar, haveria menos estupros”.

A reação diante da pesquisa foi imediata e uma campanha online chamada “Eu não mereço ser estuprada” foi ganhando força na rede social. Utilizando a hashtag #EuNãoMereçoSerEstuprada, as internautas postaram fotos seminuas dizendo que as vestimentas não são motivo para nenhum crime sexual. Até as 11h30 deste sábado, a comunidade Eu não Mereço Ser estuprada tinha 514 participantes na rede social. Outras duas com temática semelhante somavam mais 500 membros.

Mulheres fazem protesto contra resultado de pesquisa sobre estupro

 
Internautas reagiram com indignação após resultado de pesquisa que aponta que maioria culpa comportamento feminino por estupros.
Mulheres de todo o Brasil estão protestando pelo Facebook após o resultado de uma pesquisa divulgada pelo Instituto de Pesquisas Econômicas Aplicadas (Ipea) que apontou que a maioria dos brasileiros acha que “Mulheres que usam roupas que mostram o corpo merecem ser atacadas”. Segundo a pesquisa, 65,1% das pessoas – incluindo homens e mulheres – concordaram com essa informação. Já 58,5% concordam com a afirmação “Se mulheres soubessem como se comportar, haveria menos estupros”.


A reação diante da pesquisa foi imediata e uma campanha online chamada “Eu não mereço ser estuprada” foi ganhando força na rede social. Utilizando a hashtag #EuNãoMereçoSerEstuprada, as internautas postaram fotos seminuas dizendo que as vestimentas não são motivo para nenhum crime sexual. Até as 11h30 deste sábado, a comunidade Eu não Mereço Ser estuprada tinha 514 participantes na rede social. Outras duas com temática semelhante somavam mais 500 membros.

Organizadas do Remo farão protesto neste domingo

Os tropeços seguidos no Parazão e a falta de rendimento de alguns atletas do Clube do Remo vêm deixando a torcida azulina chateada. Como forma de cobrança aos atletas e à diretoria do clube, as torcidas organizadas do Remo irão protestar no clássico Re-Pa e promoverão uma passeata de São Braz até o Estádio Mangueirão neste domingo (30).

O diretor de eventos da Torcida Remista, Diego Souza,disse:‘Essa manifestação não é para prejudicar o Remo. Queremos, sim, fazer com que o Remo possa sair dessa situação. Cobraremos agora para não reclamar depois por omissão, já que as coisas não mudaram durante esse ano em relação aos anos anteriores’.

Perguntado sobre o foco principal, Diego disse que há vários, mas fecha em alguns jogadores. ‘Não achamos justo o Remo pagar uma bolada de dinheiro para Eduardo Ramos e Leandrão, sendo que eles em nada ajudam o Remo. Não estamos brigando por ingressos como andam falando por aí, queremos apenas o afastamento desses dois jogadores que estão sugando o Remo. Não entraremos no estádio. Público zero!’, falou.
Foto: Divulgação
O protesto foi idealizado através de uma rede social e ganhou apoio também do torcedor comum. Vale ressaltar que o protesto é de todas as torcidas organizadas e grupos que torcem pelo Remo. Os torcedores não entrarão no estádio e assistirão a partida em um telão, do lado de fora.

A concentração será em um posto de gasolina, na Avenida Antônio Baena, ao lado do Baenão, às 10h. A saída está prevista para às 13h, em direção ao Mangueirão. São esperadas em torno de 4 mil pessoas.

Paysandu e Remo se enfrentam neste domingo, às 16h, no Mangueirão. A partida é válida pela quinta rodada da Taça Estado do Pará.  (Orm News)

PT aprova aliança com PMDB

 Após reunião, PT aprova aliança com PMDB (Foto: Divulgação)
No Dol - Site do jornal Diário do Pará
Após reunião do diretório estadual do Partido dos Trabalhadores (PT), realizada na tarde de ontem (29), foi aprovado com maioria de votos que o PT irá apoiar o PMDB no 1º turno das eleições. No total, foram 249 votos contra 100.

O encontro definiu a aliança em primeiro turno com o PMDB para a eleição do pré-candidato Helder Barbalho, do pré-candidato ao Senado, Paulo Rocha (PT) e reeleição da presidente Dilma Rousseff (PT).

No Orm News - Site das Organizações Romulo Maiorana - jornal, rádio e Tv Liberal
O Partido dos Trabalhadores (PT) decidiu ontem que não concorrerá com uma chapa própria para o governo do Estado do Pará. A defesa da candidatura própria perdeu a disputa interna da legenda no Encontro de Tática Eleitoral, realizado em um hotel na rodovia Mário Covas. Durante todo o dia de ontem 510 delegados e convidados discutiram o posicionamento do partido para a próxima eleição. Uma decisão do Diretório Estadual do PT proibiu a imprensa de entrar no auditório onde aconteceram os debates. A tese que avaliava como fraco o desempenho do partido nas últimas duas eleições venceu os que defendiam que o lançamento de candidatos para as eleições majoritárias. Os deputados estaduais e federais do PT deverão ser escolhidos daqui a três semanas.

Para os defensores da candidatura própria, o PT perdeu a oportunidade de aproveitar o respaldo da presidente do Brasil, Dilma Roussef, que concorrerá este ano a reeleição. Os defensores da independência eram encabeçados pelo deputado federal Claudio Puty, pelo deputado estadual Edilson Moura e pela ex-deputada Regina Barata. O único a colocar o nome disponível à pré-candidatura ao Estado, deputado federal Claudio Puty, argumentou que não mudou sua convicção. 'A nossa convicção não alteramos nem um milímetro. É uma decisão equivocada, sempre discordamos desse discurso. O PT está com uma oportunidade grande, a presidente tem 68% (dos votos) apontados no Pará', destacou.

Antes do resultado, Puty estava resignado, mas disse que o grupo de insatisfeitos com a aliança a Jader Barbalho aumentou. No total, 249 delegados votaram pela coligação e 100 contra. Apesar da reportagem ter sido impedida de entrar, foi possível ouvir os ânimos exaltados de ambos os lados dentro do plenário. Dentre as principais tendências que não apoiavam a aliança estavam Articulação de Esquerda, PT de Lutas e de Massas (PTLM), Pororoca Vermelha e Democracia Socialista (DS).

No lado oposto estavam os deputados Milton Zimmer, Zé Geraldo, Beto Faro e o ex-deputado Paulo Rocha, com as tendências Articulação Socialista, PT Pra Valer e Unidade na Luta. Para Zé Geraldo, mesmo com os problemas que a aliança com o PMDB enfrenta, esta era uma tática necessária para assegurar pelo menos a vitória do candidato ao senado Paulo Rocha e de Dilma. 'O PT perdeu as duas últimas eleições majoritárias. Não temos como eleger o governador. Temos chance de eleger um senador, uma boa bancada federal e na Alepa (Assembleia Legislativa do Pará'.

Apesar de apoiar a aliança no Pará, ele admitiu que a relação entre os dois partidos não é fácil. 'Temos conflitos em vários Estados como no Maranhão, com o José Sarney. Mas, no processo político temos mais problemas com o PSDB, que está lançando um candidato a presidente da república, o Aécio Neves, que com o PMDB'.

Segundo Regina Barata, o PMDB nunca fez diferença na eleição de Dilma. 'Aqui o PMDB nunca fez diferença. Em 2010, quem fez campanha para Dilma foi o PT. Ninguém subiu no palanque para defendê-la. Nem Jader, nem o prefeito de Ananindeua Helder, nem a deputada federal, Helcione', criticou.

sábado, 29 de março de 2014

Luto no futebol paraense

Morre ex-goleiro do São Raimundo e Remo
De falência múltipla dos órgãos, morreu na manhã de hoje (29), aos 64 anos, em Belém, Pedro Moreira, ex-goleiro do São Raimundo de Santarém e do Clube do Remo. Pedrinho era também professor. Descanse em paz, dileto amigo.
Fotos pinçadas do blog do Raimundo Gonçalves:
 Pedrinho, o primeiro da direita para esquerda, em pé
 Pedrinho, quando atuava pelo Remo, e Zuza, outro craque santareno que fez muito sucesso em Belém jogando pela Tuna.

Previna-se! Celpa vai deixar o bairro do Umarizal sem energia hoje e amanhã

A Celpa fará hoje (29), das 7h45 às 14h30, e amanhã (30), das 6h50 às 13h20, um desligamento de energia no bairro do Umarizal para efetuar serviços de manutenção na rede elétrica.

O serviço será hoje, das 7h45 às 14h30, nas ruas Boaventura da Silva, nas casas de numeração ímpares, entre as travessas Dom Romualdo de Seixas e Almirante Wandenkolk; na travessa Almirante Wandenkolk entre as ruas Boaventura da Silva e Diogo Moia; na tv. Domingos Marreiros, entre avenida Generalíssimo e travessa Almirante Wandenkolk; na travessa Antonio Barreto, entre Dom Romualdo de Seixas e Generalíssimo Deodoro; e na avenida Generalíssimo Deodoro entre a rua Domingos Marreiros e passagem Nova. Todos os perímetros serão atendidos no mesmo horário.

Amanhã, das 6h50 até 13h20 a rua que será afetada será a Antonio Barreto nos perímetros da Generalíssimo e travessa Quatorze de Março e entre passagem Fiuza e Passagem Nova.

Vale a pena ler: AOS MILITARES DO PASSADO QUE FALEM E QUE FAÇAM REVELAÇÕES, O MEU RECONHECIMENTO

Por Hildegarg Angel
Eu não exporia os militares que agora falam, mesmo os que torturaram, como monstros. Alguma dignidade eles guardam, pois ao falar expiam culpas. E quem tem culpa, tem consciência. O remorso é prerrogativa de quem guarda dentro de si sentimento. Monstruosos de fato são aqueles que se calam em seus horrores, compartilham entre si as atrocidades cometidas. Como caçadores de safaris que expõem cabeças empalhadas de bichos decapitados nas paredes de suas mansões.

Se pudessem, esses que se calam, pendurariam, como se fossem troféus de guerra, recuerdos nostágicos, as cabeças de meu irmão, minha mãe, minha cunhada e de todos os milhares de brasileiros trucidados – pois há os sabidos e os não sabidos – emolduradas em seus livings e, entre drinks, chacoalhando as pedras de gelo com os dedões, comentariam as próprias barbaridades, aos requintes, de modo espalhafatoso: “Esta cicatriz, vocês precisavam ver na hora…”.

São estes os verdadeiros monstros: os que batem no peito, se orgulham, fazem mistério sobre o paradeiro dos corpos, acordos mafiosos de silêncio eterno à la Omertá, queimam documentos, escondem vestígios.

Monstruosos são os que agora incitam pobres ignorantes dos fatos passados a saírem em marchas pedindo mais atrocidades, “queremos mais, muito mais!”.

Ignoram que, no próprio dia do Golpe, 1º de Abril de 1964, o Estádio Caio Martins de Niterói foi lotado com prisioneiros, intelectuais, artistas, estudantes, jornalistas. E os golpistas recorreram ao estádio porque já haviam lotado três navios de guerra fundeados na Baía da Guanabara, especialmente para acolher prisioneiros. Que, por sua vez, estavam cheios de gente porque os quartéis também já estavam. Estes precisaram ser usados porque as celas das delegacias também abarrotadas estavam.

E a fila diante do Dops, aqui na Rua da Relação, virava quarteirão, com pais e mães desesperados, esposas e esposos, irmãs e irmãos, parentes, advogados, amigos querendo saber dos seus, repentinamente, abruptamente, sem qualquer motivo ou razão, sabe-se lá por ordem de quem, aprisionados sem ordem, sem mandado, sem nada. De modo arbitrário.

O professor Sobral Pinto, o mais respeitado advogado do país, o ilustre jurista, até ele, foi barrado à porta do Dops por um soldadeco de chumbo naquela noite! O dr. Sobral, advogado do governador Carlos Lacerda, que teoricamente mandava no Dops!

E todos entenderam a gravidade daquele momento. E todos entenderam que os que pensavam que mandavam não mais mandavam.

E no arbítrio, no silêncio sem resposta, na ponta da baioneta, assim vivemos nos anos de escuridão. Quem mandava, não explicava. Calçava botas, não respondia, apenas prendia. E matava.

E que venham outros militares que falem, com alguma culpa, alguma nobreza. A esses militares, serei reconhecida, pois ao menos estarão mostrando algum respeito pela minha dor e a de tantas famílias que querem respostas!

O estilo do jogador Daniel Alves: “Ousado e particular”


 
 
 
Do site Glamurama:
Quando não está jogando pelo Barcelona, Daniel Alves adora cultivar a moda. Ele é adepto de looks com profusão de acessórios, jaquetas de couro e roupas coloridas. Glamurama conversou com um dos melhores amigos de Neymar sobre o seu estilo, que ele entrega aqui com exclusividade.
Como você definiria o seu estilo?
“Eu definiria como ousado e particular.”
Existe alguém que costuma lhe dar conselhos sobre o que vestir?
“Não! Normalmente pesquiso o que é tendência e tento, dentro de tudo isso, montar o meu estilo particular.”
Você já sofreu algum tipo de preconceito por parte dos colegas de profissão pelo seu estilo?
“Nunca, meus colegas brincam de vez em quando, mas cada um tem o seu estilo e eles respeitam o dos outros.”
Quais são suas marcas ou estilistas preferidos?
“Não tem uma marca de que eu goste mais que outra, gosto de todas que tenham coisas divertidas e ousadas.”
Você e Neymar costumam trocar ideia sobre roupas e estilo?
“Falamos de estilo sim, e cada um de nós tem o seu.”
Existe algum jogador que você admire pela forma de se vestir?
“Sim, gosto muito do David Beckham e também do Alex Song, algumas vezes (risadas).”
O que você acha dos smokings Dolce & Gabbana (um de bolinhas e outro, vermelho) usados pelo Messi nas premiações da Fifa?
“Acho uma grande sacada da marca que veste ele, pois sabe que não falarão apenas do melhor do mundo e sim de ambas as coisas.”
Até quanto você pagaria por uma peça de grife?
“Não tenho um preço definido, mas não faço loucura por uma roupa, porque para vestir bem não precisa comprar a mais cara, e sim ter um bom gosto.”

Mensaleiros: Juiz é removido

O juiz da Vara de Execuções Penais de Brasília Bruno Ribeiro (foto), responsável pelos presos do processo da Ação Penal 470, foi removido de seu posto e enviado, pela direção do Tribunal de Justiça do Distrito Federal para um juizado de pequenas causas. Ele assume a nova função no dia 2 de abril. A designação para o novo cargo aconteceu nesta sexta-feira (28), mesmo dia em que Ribeiro apresentou sua defesa numa investigação que a corregedoria do TJDF instaurou contra ele a pedido do governador Agnelo Queiroz (PT).

A investigação aberta pelo TJDF foi motivada por uma reposta dada por Agnelo ao juiz num processo que analisa supostas regalias concedidas aos presos do mensalão. Enquanto apurava denúncias sobre alimentação diferenciada oferecida aos condenados, e até mesmo o uso do pátio interno de uma unidade prisional para buscar e levar presos ao trabalho, Ribeiro questionou Agnelo se o sistema prisional do Distrito Federal era capaz de manter um tratamento isonômico para detentos.

Ao responder os questionamentos, Agnelo disse que Ribeiro não apresentou fatos concretos sobre regalias concedidas aos condenados do mensalão. Por isso, acusou o magistrado de ter feito uma afirmação falsa, "despida de qualquer indício de prática de atos ilegais e ilegítimos", e sugeriu que o juiz fosse investigado. Ribeiro enviou sua defesa nesta sexta ao TJDF e também ao STF (Supremo Tribunal Federal), onde o mensalão foi julgado e as prisões definidas.

No documento que chegou ao STF, Ribeiro disse que rotineiramente expede ofícios com questionamentos ao chefe do Executivo do Distrito Federal. Comentou ainda que a única vez que houve uma reação do governador foi coincidentemente quando as perguntas estavam relacionadas aos condenados da AP 470.

Ribeiro tentava desde o ano passado deixar a VEP (Vara de Execuções Penais). Ele havia solicitado sua remoção para uma Vara de Fazenda de Brasília, mas vinha continuamente tendo sua designação renovada para a VEP. Recentemente o TJ havia determinado que ele ficasse na VEP até o dia 4 de abril. Depois, renovou o prazo e determinou que ficasse até o dia 20. Sem explicar o motivo da antecipação, o TJ determinou nesta sexta ele iniciasse seus trabalhos no juizado de pequenas causas já no dia 2 de abril. (Brasil 247)

No blog do Giba Um:

Muitas manobras
Ninguém aposta que a operação do governo para tirar assinaturas da CPI da Petrobras na Câmara ou no Senado possa dar certo. Esse é um ano eleitoral e os parlamentares querem mais é salvar suas peles nas ruas. Uma alternativa a favor do Planalto seria o PT ajudar nos projetos eleitorais dos aliados – e nenhum petista está disposto ao sacrifício. Mais: a oposição quer tirar o poder de fogo de Renan Calheiros, presidente do Senado e de Henrique Alves, da Câmara e deverá refazer a lista das assinaturas para emplacar uma CPI Mista. Emplacada, o foco principal não será em torno de Pasadena: a prioridade é a refinaria Abreu e Lima, montada e acompanhada por Paulo Roberto Costa, que continua preso.
Mais de R$ 20 bi
Até o TCU está disposto a refazer as contas da refinaria Abreu e Lima, em Pernambuco: até o último relatório, já teria ultrapassado R$ 18 bilhões. Contratos de alguns fornecedores deverão ser novamente investigados e há quem aposte que o custo das obras poderá mesmo encostar em R$ 20 bilhões – ou mais. Um desses contratos é de fornecimento de grandes tubulações, importadas da China, supostamente sem licitação, a preços superiores de outros fornecedores e consideradas de qualidade inferior.
Hello!
O Papa Francisco saudou o presidente Barack Obama, quando entrou no grande salão ao lado de gabinete papal, no Vaticano, na semana passada, com a frase: “Welcome, mister president”. O Pontífice raramente fala em inglês, embora tenha um certo domínio do idioma e, na dúvida, deixou de plantão, ao lado, um tradutor. No resto da conversa, Francisco falou em italiano, com algumas frases em espanhol no meio. Hoje, ele estuda inglês e alemão, que considera difícil. Anteriormente, o Papa João Paulo II foi o pontíficie que mais idiomas falava: seis, incluindo polonês, claro.
Choro coletivo
A televisão brasileira tem dedicado uma série de matérias aos pequenos investidores da Petrobras que perderam muito por conta da queda do valor de mercado da estatal, hoje de R$ 179 bilhões, menos da metade dos R$ 380 bilhões em 2010. Há oito anos, o então presidente Lula, com as mãos sujas de óleo, anunciava a auto-suficiência do Brasil em petróleo e convocava os brasileiros a investirem em ações da empresa. Até a CNN e a Bloomberg já dedicaram matérias ao choro dos pequenos investidores. 
20 dias
As novas regras do TSE sobre troca de candidatos às vésperas das eleições (é o sonho do pessoal do Volta, Lula), hoje estabelecido em 20 dias, teve redação final do ministro Dias Toffoli, que também integra a Corte, hoje presidida por Marco Aurélio Mello. Antes, poderia ser trocado em prazo menor, o que atualmente complicaria o sistema eletrônico das urnas – e 20 dias são considerados suficientes.
Mais moda
Começa esta semana a 37ª edição da SP Fashion Week, no Parque Candido Portinari: dia 2, Gisele Bündchen desfila pela Colcci (e por um cachê de R$ 3 milhões) e participará de lançamento (ela é a embaixadora do produto) do novo perfume de Carolina Herrera, 212 Vip Rosé. Também Candice Swanpoel desfilará dia 3 para a Forum. Até agora, ninguém confirma a vinda de Irina Shayk, mulher do jogador Cristiano Ronaldo.
 
A loura da lage
Quem diria: a atriz Mariana Ximenez, 32 anos, a vedete Aurora de Jóia Rara, resolveu encarnar na nova edição de Vip, a loira da laje, tomando até banho de mangueira numa mini-piscina. As fotos foram feitas no Morro do Vidigal, no Rio de Janeiro e a escolha da locação teve a ser com o envolvimento de Mariana com projeto do artista Vik Muniz, que ensina artes às crianças da comunidade. As fotos são de Alê de Souza e texto de Zeca Camargo: “Ela gosta de transformar chatice em gostosura”.

Esmola e caridade

Por: Cardeal Orani Tempesta
Estamos no período quaresmal e a sua espiritualidade muito rica nos ajuda a aprofundar alguns pontos: oração, jejum e esmola (caridade). Foi com esses temas que iniciamos a Quaresma na Quarta-feira de Cinzas. Quais seriam os efeitos e o sentido espiritual da esmola (caridade) para as nossas vidas?

Quando ouvimos a palavra esmola, logo vem em nossas cabeças a imagem de algumas moedas ou um trocadinho que tiramos do bolso para dar a alguém que nos pede, na porta de casa, no farol ou nas calçadas das nossas cidades ou na porta de nossas igrejas. Geralmente, esta doação que fazemos é algo que nos sobra ou um restinho do que a gente tem. Porém, esmola (caridade) é muito mais do que isso. É dar mais de si do que aquilo que se tem. Precisamos, sim, ajudar os nossos irmãos nas suas necessidades, a fome não espera, mas esmola é muito mais que assistencialismo: é dar vida, dignidade, tirar o irmão da situação que ele se encontra. Dar algo material é muito mais fácil e cômodo do que dar de si, do seu tempo, das suas capacidades, daquilo que você sabe fazer, e principalmente, do amor humano carregado do amor Divino.

Mas podemos nos perguntar: o que significa a esmola (caridade)? Dar esmola significa dar de graça, dar sem interesse de receber de volta, dar sem egoísmo, sem pedir recompensa, em atitude de compaixão. Nisto, nós imitamos o próprio Deus no mistério da criação, e a Jesus Cristo no mistério da Redenção. O homem recebeu tudo do seu criador. Tudo quanto tem, possui o porquê recebeu. Ora, se Deus dá de graça e se o homem é criado à imagem e semelhança de Deus, se Cristo se doou totalmente, dando sua vida, também ele será capaz de dar de graça. Ao descobrir que dentro de si existe a sublime capacidade de dar de graça, a exemplo de Deus e de Cristo, brota nele o desejo de celebrá-la.
Mais aqui >Esmola e caridade

Decisão de Celso de Mello sobre competência dos TREs

Compete aos Tribunais Regionais Eleitorais processar e julgar, por crimes eleitorais, as autoridades estaduais que tenham foro por prerrogativa de função. Essa foi a análise do ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal, ao desmembrar inquérito em que o deputado federal Alexandre Leite (DEM-SP) e o deputado estadual Milton Leite Filho (DEM-SP) são investigados por crime eleitoral. A decisão monocrática foi publicada nesta sexta-feira (28/3).

O ministro aceitou pedido do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, para encaminhar para São Paulo o processo envolvendo Leite Filho por suposta prática do crime previsto no artigo 350 do Código Eleitoral: omitir ou declarar informação falsa em documento. Mello, porém, discordou da solicitação para envio dos autos ao Tribunal de Justiça paulista, por avaliar que o caso envolvendo eleição deve ficar com o Tribunal Regional Eleitoral.
Clique aqui para ler a decisão.

Acordo irá melhorar cadastro de condenados por improbidade

Com o objetivo de unir esforços para aperfeiçoar e manter o Cadastro Nacional de Condenados por Improbidade Administrativa e por Ato que Implique Inelegibilidade (CNCIAI), o Conselho Nacional de Justiça assinou termo de cooperação técnica com representantes do Tribunal de Contas da União, da Justiça Federal e da Justiça Militar da União.

Criado pelo CNJ em 2010, o cadastro é ferramenta eletrônica que permite reunir todas as condenações por improbidade administrativa, nos termos da Lei 8.429/92, e por atos previstos na Lei Complementar 135 (Lei da Ficha Limpa) que tornaram o réu inelegível. Nem todas as condenações por improbidade resultam em inelegibilidade ou implicam o enquadramento na Lei Complementar 135.

Pelo acordo firmado, serão fixadas metas objetivas a serem atingidas com o incremento do volume de informações no CNCIAI. O Tribunal de Contas da União se comprometeu a informar as decisões relativas a contas de exercícios ou funções públicas rejeitadas por irregularidades insanáveis (parágrafo 5º, artigo 11, da Lei 9.504/97). A reprovação de contas é uma das hipóteses para tornar alguém inelegível pelo período de 8 anos.

De acordo com o conselheiro do CNJ Gilberto Valente Martins, o cadastro com banco de dados atualizado e amplo será importante para subsidiar a instrução dos pedidos de registro de candidatura na Justiça Eleitoral, no tocante à verificação dos requisitos de elegibilidade. “Atualmente, se um político do interior do Pará tem as contas reprovadas e torna-se candidato a cargo eletivo em outro estado, a Justiça Eleitoral pode não tomar conhecimento”, disse Martins. “Com o cadastro, o CNJ busca ter esse controle, que não existe hoje”, completou.

Os tribunais de contas dos estados e os conselhos de contas dos municípios vão aderir ao termo de cooperação nos próximos dias. O termo de cooperação técnica resulta da Meta 19, estabelecida pelo CNJ para a realização de parcerias entre o Conselho, os tribunais de Justiça, tribunais federais, tribunais regionais eleitorais e Tribunal de Contas da União para aperfeiçoamento e alimentação do CNCIAI.

Assinaram o termo de cooperação o presidente do CNJ, ministro Joaquim Barbosa; o corregedor nacional de Justiça, ministro Francisco Falcão; o presidente do TCU, ministro Augusto Nardes; o presidente do Superior Tribunal Militar, ministro Raymundo Nonato de Cerqueira Filho; e o juiz auditor, Frederico Magno de Melo Vera, representando a Corregedoria da Justiça Militar da União.Os presidentes do Superior Tribunal de Justiça, ministro Felix Fisher, e da Corregedoria-Geral da Justiça Federal, ministro Arnaldo Esteves Lima, ainda assinarão o documento.  (Conjur)

Ricardo Berzoini é o novo ministro de Relações Institucionais


 Berzoini e Ideli
A presidente Dilma Rousseff anunciou ontem, 28 de março, mudanças no ministério. A ministra-chefe da Secretaria de Direitos Humanos, Maria do Rosário, está deixando o governo para participar das eleições. A pasta passará a ser ocupada pela ministra Ideli Salvatti, que deixa a Secretaria de Relações Institucionais (SRI). Para ocupar a SRI, a presidenta convidou o deputado federal Ricardo Berzoini (PT-SP).

A posse dos ministros Ideli Salvatti e Ricardo Berzoini será na terça-feira (01/04), às 11h, no Palácio do Planalto. As transmissões ocorrerão nos seus respectivos ministérios.

Mercado de São Brás apagará luzes

A ONG World Wide Fund for Nature (WWF), em português, Fundo Mundial para a Natureza realiza, hoje, o evento A Hora do Planeta, que visa sibolicamente reduzir o consumo de energia e a emissão de gases poluentes por algumas horas. Belém participa do ato apagando as luzes do Mercado de São Brás das 20h30 de hoje, às 20h30 do domingo. Ano passado, Canadá, Índia, Itália, Suécia e Estados Unidos inscreveram 66 cidades para participarem do primeiro "Desafio Internacional das Cidades da Hora do Planeta" (Earth Hour City Challenge), ao relatarem seus compromissos, desempenhos e planos em curso de redução do consumo de energia e poluição ambiental.

O secretário municipal de Urbanismo, Adinaldo Oliveira, falou sobre o desligamento de 24 horas do Mercado. "A prefeitura participa dessa ação porque é importante ter sua parcela de colaboração para o mundo ficar um lugar melhor. Com isso, vamos reduzir totalmente o consumo de energia elétrica do Mercado de São Brás das 20h30 do sábado até às 20h30 de domingo. O desligar das luzes é uma ótima contribuição ao planeta e às pessoas. Resolvemos usar o período de 24 horas para incentivar a população e aumentar o interesse da sociedade pela preservação do meio ambiente e dos recursos naturais renováveis".

Decreto “segura” pescado na Semana Santa

Governo realizará Feira do Pescado em Belém e no interior do Estado
Foi publicado ontem no Diário Oficial do Estado (DOE) o Decreto de Nº. 995/14, assinado na última quinta-feira pelo governador Simão Jatene, que suspende a emissão de documentos necessários para a movimentação de pescado "in natura", fresco, resfriado e salgado para fora do estado do Pará. A medida é válida no período que antecede a Semana Santa, de 1º a 18 de abril, e visa garantir o abastecimento interno e um equilíbrio no preço do produto. Há exceção somente para peixe congelado com selo do Serviço de inspeção Federal/SIF e produzido por indústrias registradas no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa).

A fiscalização será feita nas barreiras das divisas com os Estados do Maranhão, Tocantins e Mato Grosso, nas estradas e nos entrepostos fluviais. A vistoria começará no mesmo período em que consta a validade do decreto e será realizada pela Agência de Defesa Agropecuária do Estado do Pará (Adepará). De acordo com o supervisor técnico do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), Roberto Sena, o Pará produz cerca de 200 mil toneladas de peixe por ano. Isso torna o Estado o maior produtor do País. Porém, a ausência de uma política macro para o setor da pesca, a falta de caixas coletoras e a inexistência de entrepostos pesqueiros para armazenar o pescado no período de alta produção, faz com que o peixe sofra altas consecutivas nas tabelas de preços.

Além do decreto assinado anteontem pelo governador Simão Jatene, a Secretaria de Estado de Pesca e Aquicultura (Sepaq) irá realizar feira do pescado em Belém e em mais 40 municípios do Estado. Somente na capital, serão doze pontos de venda. Em dois deles também será vendido peixe vivo, caranguejo e ostra. "Estamos trabalhando para garantir o peixe na mesa dos consumidores na Semana Santa com preços mais baratos e de boa qualidade", garante o secretário de Pesca e Aquicultura André Pontes. De acordo com informações da Secretaria Municipal de Economia (Secon), a Prefeitura de Belém também vai adotar medida semelhante para a capital paraense.

Santarém oficializa primeiro casamento homoafetivo

O município de Santarém, no oeste paraense, realizou nesta sexta-feira (28) o primeiro casamento homoafetivo da cidade. Duas mulheres participaram de um casamento coletivo celebrado pelo juiz Valdeir Salviano da Costa, da 1ª Vara Cível da Comarca de Santarém.

O casal é formado por uma funcionária pública e uma estudante que convivem maritalmente há três anos e resolveu oficializar a união. As duas preferiram manter seus nomes em sigilo. 'Foi uma opção nossa e nos dias de hoje tem que ser considerada normal', diz uma delas. O casal contou que tem o apoio da família, mas teme ser discriminado pela sociedade.

As mulheres entraram com pedido para realização do casamento há cerca de um mês. O juiz que realizou o casamento se disse orgulhoso por celebrar a união do casal. 'O Conselho Nacional de Justiça determinou, inclusive, que que todos os juízes realizem casamentos de cidadãos homoafetivos que desejem consolidar suas relações', finalizou. (Orm News)

sexta-feira, 28 de março de 2014

Maromba - Capítulo 4

Publicamos hoje (21) mais um capítulo do livro "Maromba", obra de ficção escrita pelo poeta Emir Bemerguy, falecido em 13.11.2012. Leia aqui >Maromba - de Emir Bemerguy - Capítulo 4
O livro poderá ser adquirido ao preço de R$ 20,00 pelos telefones: (93) 3522-1024, em Santarém e (91) 8854-0082, em Belém.
Mais aqui > O Mocorongo 2

Avaliação positiva do governo Dilma cai a 36%, diz pesquisa CNI/Ibope

A avaliação positiva do governo da presidente Dilma Rousseff caiu sete pontos percentuais na comparação com a ultima pesquisa do CNI/Ibope, realizada em dezembro passado. Pesquisa divulgada ontem (27) aponta que a aprovação da presidente ficou em 36%, ante os 43% registrados anteriormente. O levantamento, primeiro da CNI/Ibope este ano, foi feito entre os dias 14 e 17 deste mês.

Foram ouvidas 2.002 pessoas em 141 municípios. O levantamento tem margem de erro de dois pontos percentuais. A sondagem foi feita antes da revelação de que a presidente Dilma Rousseff, quando presidia o Conselho de Administração da Petrobrás, votou a favor da compra de parte da refinaria de Pasadena com base em um resumo juridicamente "falho".

Ipea: para 58,5%, comportamento feminino influencia estupros

Jornal do Brasil
O Instituto de Pesquisas Econômicas Aplicadas (Ipea) divulgou ontem uma nova edição do Sistema de Indicadores de Percepção Social sobre tolerância social à violência contra as mulheres. O estudo mostra que o brasileiro médio é a favor da punição a agressores, mas acha naturais as afirmações que indicam uma tolerância maior com a violência de gênero. Mais da metade dos entrevistados também responsabilizam as mulheres pela motivação de agressões sexuais.

Segundo a pesquisa, 65,1% concordam totalmente ou parcialmente com a afirmação "Mulheres que usam roupas que mostram o corpo merecem ser atacadas", enquanto 24% discordam totalmente, 8,4% discordam parcialmente e 2,5% se declaram neutros. Já 58,5% concordam com a afirmação "Se as mulheres soubessem como se comportar, haveria menos estupros"; 37,9% discordam totalmente (30,3%) ou parcialmente (7,6%) da afirmação – 3,6% se dizem neutros em relação à questão.

O Ipea conclui que, por trás dessas afirmações, “está a noção de que os homens não conseguem controlar seus apetites sexuais; então as mulheres, que os provocam, é que deveriam saber se comportar, não os estupradores”.

A pesquisa questionou também os entrevistados sobre relações sexuais. Segundo o levantamento, 54% discordam totalmente da ideia de que "a mulher casada deve satisfazer o marido na cama, mesmo quando não tem vontade" enquanto 14% concordam totalmente com a afirmação.

O estudo também mostra que 38,8% dos entrevistados concordam totalmente que casamentos homossexuais deveriam ser proibidos e 32,1% discordam totalmente - 44,9% disseram concordar totalmente com a afirmação de que incomoda ver dois homens ou duas mulheres se beijando na boca em público; 28,2% dizem discordar totalmente.

A pesquisa ouviu 3.810 pessoas em todas as regiões do País. O estudo completo faz recorte regional, de gênero, de religião, além de idade, escolaridade e renda.

Solidariedade apoia Jatene

O partido Solidariedade (SDD) declarou apoio à reeleição do governador Simão Jatene (PSDB), na tarde de ontem, durante o 1º Encontro Estadual do Pará, no Hangar Centro de Convenções e Feiras da Amazônia. No evento o presidente nacional do Solidariedade, deputado federal Paulo Pereira da Silva, o Paulinho da Força Sindical, confirmou ainda o apoio à candidatura do senador mineiro Aécio Neves (PSDB) para a Presidência da República.

Além de anunciarem o apoio ao PSDB, os políticos do Solidariedade - uma das mais novas legendas do País, com 182 dias de fundação – fizeram duras críticas ao governo da presidente Dilma Rousseff (PT). O presidente do diretório estadual, deputado federal Wladimir Costa (SDD) destacou que a legenda não precisa de políticos que só querem o poder. "Nós queremos pessoas que amam e tem compromisso pelo Estado, e não pessoas que tem compromisso com o poder", disse.

O encontro contou com a presença de vários políticos e líderes sindicais e sociais.

Família vive horas de medo

Um casal teve um grande susto, na tarde de ontem, após receber um telefonema informando que o filho de 11 anos havia sido sequestrado. O casal, que não teve a identidade divulgada, mora na travessa Roberto Camelier, próximo à avenida Bernardo Sayão, no bairro da Cremação.

O pai do menino recebeu uma ligação, por volta das 14 horas, informando que o filho estava em poder de sequestradores e que seria morto se a família não pagasse R$ 10 mil de resgate. Desesperados, familiares tentaram ligar para o celular da criança, mas a chamada era direcionada para a caixa postal. A polícia foi acionada e o delegado Aldo Botelho, da Seccional Urbana da Cremação, assumiu a negociação. "Nós fomos até a casa da família e vimos que estava tudo bagunçado. Os criminosos disseram que tinham entrado no imóvel, revirado tudo e que tinham levado o garoto", explicou o delegado.

O menino de 11 anos ficava sozinho em casa durante a tarde. Os pais disseram à polícia que ele chegava em casa depois da escola, trocava de roupa e ia almoçar na casa da avó, que fica ao lado da residência do casal. A avó do menino só se deu conta do sumiço do garoto quando o pai da criança ligou, informando sobre o suposto sequestro.

O delegado Aldo Botelho contou que os criminosos pediram, inicialmente, R$ 10 mil. Depois, o valor caiu para R$ 5 mil e, por fim, eles pediam que R$ 50,00 em créditos fossem colocados em um telefone celular com prefixo do Rio de Janeiro. Nenhum valor foi pago aos bandidos.

Trote - O delegado Aldo Botelho contou que, por volta das 16h30, se afastou da família e ligou novamente para o celular do garoto. Na primeira chamada, ninguém atendeu, mas na segunda, o menino, assustado, disse "alô". "A criança atendeu e ficou falando baixinho. Eu comecei a conversar com ele, disse que era um amigo e que queria saber onde ele estava. Ele repetia que não podia falar, mas eu insisti. Até que ele revelou o seu endereço".

Ligação pode ter sido feita por detentos
O menino estava na travessa Fernando Guilhon, próximo à passagem São Miguel. Os policiais encontraram o garoto em pé, encostado no muro de uma padaria, tentando se esconder. Apenas com o resgate da criança o caso foi esclarecido. "Por volta das 13 horas, o menino recebeu uma ligação de um número desconhecido. A pessoa que falava do outro lado da linha disse que estava com a sua mãe. Eles falavam que iam matá-la. Instruíram o menino a bagunçar a casa, pegar o que tinha de valor, desligar o celular e ir para a rua. Eles disseram que se o garoto não fizesse isso, sua mãe ia morrer", explicou Aldo Botelho.

De acordo com o delegado, foi a partir da conversa com o garoto que os criminosos conseguiram informações sobre a família. "Eles perguntaram para o menino qual era o nome da mãe dele, o que tinha de valor dentro de casa e outras coisas. A criança acabou falando porque estava em estado de choque, sendo ameaçada".

Às 17 horas, a criança foi levada novamente para os pais. O delegado Aldo Botelho destaca que algumas medidas podem ser tomadas pelas famílias para evitar esse tipo de situação. "A orientação mais importante que nós damos é para as pessoas não atenderem ligação de número privado, desconhecido. Os pais também devem orientar as crianças a não passarem informações sobre a família. Em todo o caso, é sempre bom chamar a polícia, para que a gente possa acompanhar a situação".

O caso será investigado pela Polícia Civil, que acredita que a ligação tenha sido feita por presos do estado do Rio de Janeiro.

Mick Jagger herda patrimônio de US$9 milhões

Mick e a namorada
Mick Jagger, vocalista dos Rolling Stones vai herdar o patrimônio de US$9 milhões que sua namorada, a estilista L'Wren Scott, deixou em testamento registrado em um tribunal de Nova York.

Scott tinha 49 anos, ela que foi encontrada morta em seu apartamento, em Manhattan, no último dia 17,  era uma das estilistas favoritas de estrelas de Hollywood como Nicole Kidman e Amy Adams.

Ela omitiu seus dois irmãos do testamento e deixou joias, roupas, móveis, carros e propriedades para Jagger, seu namorado desde 2001.

BBB 14: Gaby Amarantos fará o show da grande final

Gaby Amarantos fará o show da grande final (Foto: Divulgação)
A cantora Gaby Amarantos fará o show da grande final do Big Brother Brasil 14, prevista para o dia 1º de abril. A musa do tecnobrega cantará suas músicas e animará o público juntamente com Pedro Bial, antes de ser anunciado o vencedor desta edição.